Acusado de matar ex-mulher é condenado a 15 anos de prisão (TJCE – 13/10/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

O Conselho de Sentença do Tribunal do Júri da Comarca de Lavras da Mangabeira condenou, nessa terça-feira (11/10), o réu Antônio Camilo Alves a 15 anos de prisão pelo assassinato de sua ex-mulher, morta com golpes de faca. Também terá de pagar R$ 10 mil de indenização para família da vítima.

O julgamento foi presidido pela juíza Larissa Braga Costa de Oliveira, titular da Comarca. Na ocasião, o Conselho de Sentença acompanhou a acusação e condenou o acusado, que deverá cumprir a pena em regime inicialmente fechado. Já o advogado de Antônio Camilo sustentou a tese de que o réu agiu em legítima defesa e, subsidiariamente, o reconhecimento do privilégio por violenta emoção.

O crime ocorreu no dia 26 de novembro de 2015, em Lavras da Mangabeira, distante 417 km de Fortaleza. Segundo denúncia do Ministério Público do Ceará (MP/CE), Antônio Camilo Alves foi até a residência de Maria Inês Ferreira da Silva e a executou com golpes de faca. Ele tinha ciúmes dela e não aceitava o fim do relacionamento.

O MP/CE requereu a condenação do acusado por homicídio duplamente qualificado, cometido por motivo torpe e com recurso que impossibilitou a defesa da vítima.

Acesse no site de origem: Acusado de matar ex-mulher é condenado a 15 anos de prisão (TJCE – 13/10/2016)