Alunos da PM participam de capacitação sobre a Lei Maria da Penha (Pref. Apucarana – 21/03/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Principal objetivo é dar aos futuros policiais uma visão da rede e as diversas possibilidades de atendimento

Fazendo parte do Programa de Enfrentamento da Violência contra Mulher, foi realizada nesta segunda-feira (21/03), no polo de Apucarana da Universidade Aberta do Brasil (UAB), uma capacitação na área de segurança pública. Neste primeiro módulo, participaram alunos da Escola de Formação da Polícia Militar e o tema abordado foi a Lei Maria da Penha.

O treinamento foi ministrado pela tenente da reserva remunerada da Polícia Militar, Luci Belão, e desenvolvido em parceria com a Secretaria Municipal da Mulher e Assuntos da Família. A capacitação, prevista para acontecer ao longo do dia, teve como tema “O papel do Agente de Segurança Pública no Enfrentamento da Violência Contra a Mulher”.

O principal objetivo da iniciativa, conforme Luci Belão, é dar aos futuros policiais uma visão de trabalho em rede. “O atendimento não pode se limitar apenas a encaminhar para a delegacia, mas também de orientar sobre outras possibilidades de atendimento disponibilizadas pela rede”, frisa, citando diversas políticas públicas que são desenvolvidas por órgãos governamentais.

Em Apucarana, a rede é formada por órgãos como a Secretaria da Mulher e Assuntos da Família, Centro de Atendimento à Mulher (CAM), Secretaria Municipal de Assistência Social, Autarquia Municipal de Educação (AME), Autarquia Municipal de Saúde (AMS), Delegacia da Mulher, Instituto Médico Legal (IML), Polícia Militar, Guarda Municipal, Poder Judiciário e Ministério Público.

Os futuros policiais também receberam orientações sobre acolhimento, dinâmica da violência e como ela se instala dentro das relações afetivas, conceitos gerais e legislação. Também foram apresentados exemplos de situações encontradas no dia a dia de um policial militar e a exposição da maneira mais adequada de fazer o atendimento.

De acordo com a secretária da Mulher e Assuntos da Família, Denise Canesin Machado, neste momento o treinamento foi direcionado para os alunos do curso de formação da Polícia Militar, mas em breve será também estendido para outros setores. “Pretendemos ainda, de acordo com um cronograma pré-estabelecido, realizar outros dois módulos. Um que terá por tema a Construção Social do Gênero e Discriminação da Mulher e outro, abordando a Violência Doméstica Contra a Mulher”, pontua, reforçando que as atividades fazem parte do trabalho de formação continuada dos atores que integram a rede de atendimento, visando a prevenção e a proteção das mulheres.

Segundo a tenente Kelly Wistuba, coordenadora do Curso de Formação de Soldados da PM, a capacitação desta segunda-feira faz parte das disciplinas teóricas e práticas. “São 49 alunos e completamos um mês de curso, dos 9 meses previstos. Os futuros policiais, quando estiveram atuando, lembrarão dos exemplos e das situações que foram apresentadas durante o treinamento”, afirma.

A tenente Kelly cita ainda que atualmente a PM é acionada especialmente em casos de violência física contra a mulher, normalmente denunciados por familiares e vizinhos. A população, entretanto, ainda não possui uma visão da rede de atendimento e, por isso, a maior parte das denúncias e demais situações são encaminhadas aos órgãos de segurança pública.

Acesse no site de origem: Alunos da PM participam de capacitação sobre a Lei Maria da Penha (Pref. Apucarana – 21/03/2016)