Atendimento mais humano a vítimas de violência doméstica (Pref. Canoas – 27/11/2014)

O atendimento a mulheres vítimas de violência, em Canoas, passa a ser mais humanizado com o lançamento do Plantão Lilás, na 3ª Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), e da inauguração da Sala Lilás, montada no Posto Médico Legal (PML), do Hospital Universitário (HU).

Um ato realizado na DPPA, pela Secretaria Municipal de Segurança Pública e Cidadania (SMSPC) e pela Coordenadoria de Políticas para a Mulher, na tarde desta quinta-feira (27), marcou o início desses dois importantes serviços que qualificam e fortalecem a rede de enfrentamento à violência doméstica no município. Essa rede se completa com o Juizado da Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher da Comarca de Canoas, inaugurado em outubro. O ato teve a participação do prefeito Jairo Jorge.

Com o Plantão Lilás, o atendimento especializado às vítimas passa a ser prestado 24 horas por dia, inclusive nos finais de semana e feriados, em local privativo e seguro para o registro da ocorrência. Dessa forma, é evitado o constrangimento que a vítima pode passar ao expor a sua dor na frente de outras pessoas, e o risco de ser atendida no mesmo ambiente do seu agressor. Na DPPA, também foi montado um espaço adequado para as crianças, que, muitas vezes, acompanham suas mães.

A Sala Lilás instalada no PML é um projeto do Instituto Geral de Perícias que consiste em uma sala especialmente preparada para acolher as mulheres que necessitam fazer seu exame de corpo de delito (perícia).

Dignidade, respeito e cidadania

O prefeito Jairo Jorge lembrou que essas inaugurações, que acontecem dentro da programação dos “16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres”, trazem dignidade, respeito e cidadania às vítimas. Ele destacou o trabalho essencial do Instituto Geral de Perícias (IGP) e as parcerias com o HU e as delegacias de polícia para a solução dos casos de violência doméstica. “Temos que transformar a indignação diante da violência em ações como essas”, destacou.

A corregedora geral do IGP e coordenadora estadual da Sala, Andréa Brochier Machado, elogiou os serviços prestados, citou que considera Canoas um exemplo para todo o Estado e agradeceu pelo olhar sensível às vítimas, que buscam atendimento em um momento muito difícil e triste de suas vidas. A coordenadora das Delegacias de Atendimento a Mulher (DEAMs), no Rio Grande do Sul, Anita Klein, destacou que Canoas é o segundo município a ter o Plantão, depois de Gravataí.

A secretária especial da Coordenadoria de Políticas para a Mulher, Márcia Falcão, elogiou os profissionais envolvidos, salientou a capacitação das equipes e afirmou que o trabalho voltado ao melhor atendimento será contínuo.

Presenças

A vice-prefeita Beth Colombo; os secretários municipais Adriano Klafke, da SMSPC, Marcelo Bósio, da Saúde; o superintendente de Relações Institucionais do Hospital Mãe de Deus, Rogério Pires, entre outras autoridades, prestigiaram o evento.

Clique aqui e ouça o que dizem o prefeito Jairo Jorge e a secretária Márcia Falcão:

Rede de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher de Canoas 

Plantão Lilás – Rua Dr. Sezefredo Azambuja Vieira, 2.730 (DPPA) – Telefone 3447-1448.

Sala Lilás – Posto Médico Legal do Hospital Universitário – Avenida Farroupilha, 8.001 – Telefone: 3478.8000.

Juizado da Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher – Foro de Canoas – Rua Lenine Nequete, 60 – Telefone: 3472.1184.

Centro de Referência para Mulheres em Situação de Violência Patrícia Esber (CRM)- Rua Siqueira Campos, 321 –Telefone: 3464.0706.

Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (DEAM) – Rua Humaitá 1.120 – Telefones: 3472.0494 / 3472.0490.

Patrulha Maria da Penha (Brigada Militar) – Telefone: 190

Coordenadoria de Políticas para a Mulher  – Rua 15 de Janeiro, 15, Sala 602 – Telefone: 3463.5794.

Mulheres da Paz Guajuviras – Setor 2 – Quadra S, Casa 1 – Telefone: 3429.2599.

Mulheres da Paz Mathias Velho – Rua Antônio Prado, 698 – Telefone: 3476.4582.

Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim) Avenida Guilherme Schell, 5.600 Centro – Telefone: 3476.3590 / 3476.3590.

Rosilaine Pinheiro

Acesse no site de origem: Atendimento mais humano a vítimas de violência doméstica (Pref. Canoas – 27/11/2014)