Atleta da Namíbia tem prisão preventiva decretada por assediar camareira na Vila Olímpica (TJRJ – 08/08/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A juíza Rose Marie Pimentel Martins, do Juizado do Torcedor e dos Grandes Eventos do TJRJ, converteu nesta segunda-feira, dia 8, a prisão em flagrante do atleta da Namíbia Jonas Junius em prisão preventiva. Jonas foi preso neste domingo, acusado de abusar sexualmente de uma camareira dentro da Vila dos Atletas. A juíza aceitou a denúncia contra Jonas, que tem, agora, o prazo de dez dias para apresentar sua defesa.

Na decisão, dada durante audiência de custódia, a juíza afirma que existem provas mínimas necessárias para o recebimento da denúncia, pois além do depoimento da vítima há ainda o relato de uma testemunha. Jonas Junius vai responder pelo crime do Art. 213 do Código Penal: “Constranger alguém, mediante violência ou grave ameaça, a ter conjunção carnal ou a praticar ou permitir que com ele se pratique outro ato libidinoso”.

Na última sexta-feira, outro atleta, o marroquino Hassan Saada, também foi preso, acusado de assediar sexualmente uma camareira na Vila Olímpica da Barra da Tijuca.

Processo nº 0257024-38.2016.8.19.0001

SF

Acesse no site de origem: Atleta da Namíbia tem prisão preventiva decretada por assediar camareira na Vila Olímpica (TJRJ – 08/08/2016)