Bruno pediu para esconder filho de Eliza, diz ex-mulher (Folha de S.Paulo – 06/03/2013)

A ex-mulher do goleiro Bruno Fernandes Souza, 28, que está sendo julgada com ele pela morte de Eliza Samudio, disse que ele pediu que ela mentisse à polícia sobre a existência de Bruninho -filho dele com a ex-amante.

Dayanne Souza, 25, afirmou durante interrogatório no fórum de Contagem que o ex-marido e o assessor dele na época, Luiz Henrique Romão, o Macarrão, pediram para ela esconder de todo mundo a criança.

O pedido, segundo ela, foi dado no dia 25 de junho de 2010, quando a polícia começava a investigar o caso e procurava pelo menino.

Foi nesse dia que Dayanne foi presa por “subtração de incapaz” e o caso ganhou repercussão. Ela é julgada por sequestro e cárcere privado do menino.

Bruno, que será ouvido hoje, não teve autorização da juíza para acompanhar o interrogatório da ex-mulher.

Dayanne disse ainda que Bruno tentou esconder a presença de Eliza no sítio dele em Esmeraldas (MG), entre 6 e 10 de junho de 2010.

A ex-mulher contou ter descoberto que Eliza estava no sítio ao fazer uma visita surpresa, no dia 9. A ré disse não ter visto, em nenhum momento, a vítima ser encarcerada ou agredida.

Sem volta

Segundo a acusada, Eliza deixou o sítio, acompanhada de Macarrão e um primo de Bruno -Jorge Luiz Rosa.

Os dois voltaram com a criança, mas sem a mãe dele.

Segundo Dayanne, ela e Bruno questionaram a dupla sobre onde estava Eliza, mas não tiveram resposta.

Minutos depois, após uma reunião entre o goleiro, Macarrão, Jorge e Sérgio Rosa Sales -outro primo do atleta-, ouviu a versão de que Eliza havia ido a São Paulo.

Dayanne disse que, na mesma noite, sentiu cheiro de fumaça -para a Promotoria, era de pertences de Eliza que foram queimados.

Choro

Ontem, Bruno chorou ao ver um vídeo com imagens de Sales, já morto. O réu evitou assistir a outra gravação em que Eliza o acusava de agressões e de ameaças caso ela não fizesse um aborto.

Paulo Peixoto
Rogério Pagnan
Marina Gama

Acesse no site de origem: Bruno pediu para esconder filho de Eliza, diz ex-mulher (Folha de S.Paulo – 06/03/2013)