Caderno especial Campanha Compromisso e Atitude

Lançada em agosto de 2012, a Campanha Compromisso e Atitude pela Lei Maria da Penha – A lei é mais forte é uma articulação que busca fortalecer os esforços nos âmbitos municipal, estadual e federal para garantir a efetivação da Lei Maria da Penha em todo o território nacional. Ao longo de cinco anos, a Campanha somou ações e alcançou amplo reconhecimento entre os operadores da Lei e gestores das políticas públicas de enfrentamento à violência contra as mulheres.

Uma das importantes iniciativas articuladas no âmbito da Campanha foi a criação do Portal Compromisso e Atitude, um espaço em que a comunicação estratégica está a serviço do fortalecimento das instituições e políticas públicas necessárias para ampliar a efetivação dos direitos das mulheres.

Buscando apresentar uma síntese das conquistas e desafios e divulgar as ações dos órgãos parceiros e das empresas apoiadoras da Campanha, o Portal divulga este caderno especial sobre o trabalho de articulação e troca de experiências desenvolvido ao longo de cinco anos de compromissos e atitudes.

As seis matérias produzidas especialmente para esta publicação reúnem entrevistas e informações sobre a trajetória da Campanha, suas principais ações e as ferramentas que disponibiliza. Traz ainda a avaliação de profissionais que atuam diariamente na efetivação da Lei Maria da Penha sobre a importância da atuação articulada e multidisciplinar.

Saiba mais: clique aqui para baixar o caderno especial  na íntegra ou confira suas matérias no Portal Compromisso e Atitude:

> Cinco anos de Compromisso e Atitude pela Lei Maria da Penha: um histórico de ação conjunta

> Ações da Campanha fortalecem trabalho intersetorial em prol dos direitos das mulheres

> Portal Compromisso e Atitude é referência sobre Lei Maria da Penha

> A importância da produção de dados e informações sobre violência contra as mulheres

> Ações para garantir o acesso das mulheres em situação de violência à Justiça

> Parceiros da Campanha Compromisso e Atitude atuam na prevenção à violência doméstica em seus Estados