Campanha Maria da Penha em Ação promove mostra de vídeos sobre violência doméstica (MPMA – 23/10/2014)

O Concurso de Vídeo de Bolso que integra a campanha Maria da Penha em Ação, promovida pelo Ministério Público do Maranhão, teve 43 produções audiovisuais inscritas. Os trabalhos foram feitos por alunos de escolas estaduais e municipais, orientados por professores. A apresentação dos vídeos aconteceu em uma mostra especial na manhã desta quinta-feira, 23, no auditório da Procuradoria Geral de Justiça.

Promotora de justiça de Defesa da Mulher, Selma Martins, apresentou vídeos concorrentes (Foto: MPMA)

Promotora de justiça de Defesa da Mulher, Selma Martins, apresentou vídeos concorrentes (Foto: MPMA)

A campanha Maria da Penha em Ação é desenvolvida pelas Promotorias de Justiça Especializadas na Defesa da Mulher e acontece nas instituições de ensino desde 2012. O objetivo é prevenir a violência doméstica por meio de palestras, concursos e capacitação de professores. O concurso de vídeos, entretanto, aconteceu pela primeira vez em 2013. Nesta edição, mais de vinte escolas participaram.

O júri técnico deste ano foi formado pelo cineasta e professor universitário, João Paulo Furtado; pela promotora de justiça Karla Adriana Holanda Farias e pelo graduado em Educação Artística, pós-graduado em Artes Visuais e professor da rede municipal de ensino, Raimundo Nonato Penha. A comissão é responsável por avaliar as produções e indicar os três melhores trabalhos.

Romeu Boas da Silva, aluno do 2º ano do Ensino Médio, foi classificado em 3º lugar, em 2013, e disputa pela segunda vez o concurso. O estudante considera esta uma forma diferente de aprendizado: “A gente aprendeu que mulher não pode ser maltratada, não pode ser agredida”. Lembra, ainda, que a produção e divulgação dos vídeos são importantes para conscientizar outras pessoas, vítimas de violência doméstica. “Não temos espírito competitivo, o importante é participar”, complementa.

Estudantes das redes municipal e estadual participaram da campanha

Na avaliação da promotora de justiça de Defesa da Mulher, Selma Regina Martins, a campanha nas escolas é importante para a prevenção contra os casos de violência doméstica e incentivo à denúncia de ocorrências. Já para a promotora Marcia Haydée Porto de Carvalho, a campanha busca difundir a ideia de que todos precisam ter respeitada a sua dignidade, independente de gênero, idade, etnia ou qualquer outra coisa.

Segundo Selma Martins, espera-se ampliar o projeto e superar as expectativas para o próximo ano. “No ano passado foram 13 produções, este ano são 43. A qualidade dos vídeos está muito maior, quem fica numa situação difícil são os jurados”. Destaca, também, que a campanha já traz efeitos positivos: “Podemos ver o resultado no aumento do número de denúncias dos casos de violência doméstica”.

Os vencedores do Concurso de Vídeo de Bolso serão premiados, em solenidade, no dia 18 de novembro, por ordem de classificação. Os prêmios são um tablet (1º lugar), uma câmera digital (2º lugar) e uma poupança no valor de R$ 200,00 (3º lugar). Também receberão prêmios os professores orientadores dos alunos que tiverem as produções vencedoras.

 Redação: Lorena Araújo (CCOM-MPMA)

Acesse no site de origem: MARIA DA PENHA EM AÇÃO – Mostra de vídeo apresenta produções do Concurso de Vídeo de Bolso (MPMA – 23/10/2014)