Caso New Hit: Encerrada fase de oitivas dos 10 acusados (MPBA – 18/09/2013)

O segundo dia da audiência de instrução do julgamento dos acusados no caso New Hit começou às 8h30 de hoje, 18. Em cerca de 3h30, foram ouvidos os ex-integrantes da banda Michel Melo de Almeida, Weslen Danilo Borges Lopes e William Ricardo de Farias.Encerrada a fase da audiência, as partes, tanto o Ministério Público estadual quanto os advogados de defesa, podem requerer diligências (para provas complementares), mas a juíza Márcia Simões, titular da comarca, pode ou não aceitar os pedidos. Em seguida, as partes devem apresentar as alegações finais e só depois a magistrada vai proferir a sentença. O prazo para solicitar diligências é de cinco dias contados da data do ofício emitido pela magistrada.

Como ocorrido no primeiro dia de audiência com os outros sete denunciados, Weslen, Michel e William responderam a questionamentos da juíza, quanto a detalhes ocorridos na madrugada do suposto crime, sobre como conheceram as duas adolescentes e se relacionaram com elas já dentro do ônibus do extinto grupo, onde teria ocorrido o estupro coletivo, de acordo com a ação penal movida pela promotora de Justiça Marisa Jansen. Seguindo a estratégia dos advogados de defesa, tal como Eduardo Martins Sobrinho e John Ghendow de Souza Silva fizeram ontem, 17, os três alegaram inocência e se negaram a responder perguntas da acusação.

A promotora Marisa Jansen afirmou que confia na condenação dos réus devido ao conjunto robusto de provas juntadas aos autos, sobretudo o laudo pericial que confirma a presença de sêmen de seis dos dez acusados nas roupas das duas adolescentes, inclusive em suas peças íntimas. Os depoimentos dos réus seguiram a linha de defesa de admitir a relação sexual, que teria sido consentida, e de negar a existência do estupro.

Redator: George Brito 

Acesse no site de origem: Caso New Hit: Encerrada fase  de oitivas dos 10 acusados (MPBA – 18/09/2013)