Confederação Nacional dos Municípios adere ao movimento ElesPorElas da ONU Mulheres (ONU Brasil – 29/05/2015)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A Confederação Nacional de Municípios e a ONU Mulheres Brasil firmaram um compromisso por meio de memorando de entendimento para cooperação técnica sobre gênero, raça e direitos humanos voltada à municipalidade.

Cerca de 5 mil pessoas, entre prefeitos, vereadores, secretários e gestores municipais, governadores e senadores, testemunharam o ato de adesão da Confederação Nacional dos Municípios (CNM) ao Movimento ElesPorElas (HeForShe) de Solidariedade da ONU Mulheres pela Igualdade de Gênero na quarta-feira (27), em Brasília, durante a XVIII Marcha em Defesa dos Municípios.

O compromisso foi firmado pelo presidente da CNM, Paulo Ziulkoski, com a ONU Mulheres Brasil por meio de memorando de entendimento para cooperação técnica sobre gênero, raça e direitos humanos voltada à municipalidade, incluindo aportes técnicos sobre políticas públicas com perspectiva de gênero, realização de estudos, pesquisas, campanhas sobre igualdade de gênero e direitos das mulheres e debates internacionais sobre gênero e políticas para mulheres no âmbito da CNM, da Federação Latino-americana de Cidades, Municípios e Associações de Governos Locais (Flacma) e da Organização Mundial de Cidades e Governos Locais Unidos (CGLU).

“Prefeitos e prefeitas, vereadores e vereadoras do Brasil, este é um momento importante. Temos tido um aumento gradativo na participação políticas das mulheres, porém muito fraco”, destacou ao mencionar o aumento de 20% de mulheres eleitas em relação ao pleito anterior, mas o que representa 11% de prefeitas em todo o país.

A representante da ONU Mulheres no evento, Ana Carolina Querino, ressaltou a importância de prefeitos e prefeitas levarem a campanha a suas cidades e incentivar ações concretas em favor da igualdade de gênero entre homens e mulheres. E lembrou que para a agência é fundamental a participal de instituições e atores-chave para acabar com as lacunas de desigualdades seja entre homens e mulheres seja entre negros e brancos.

Acesse no site de origem: Confederação Nacional dos Municípios adere ao movimento ElesPorElas da ONU Mulheres (ONU Brasil – 29/05/2015)