Crime do estupro é mais complexo do que se imagina; entenda (Metrô – 21/09/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

No ano em que a Lei Maria da Penha completou dez anos, a cultura do estupro nunca foi tão discutida – segundo estimativas, ocorrem 527 mil casos de violência sexual no Brasil anualmente.

Diversas histórias ilustram a triste estatística em 2016: o estupro coletivo de uma adolescente no Rio de Janeiro, a menina que escreveu uma carta para denunciar seu pai e o coronel da PM preso com uma criança nua.

Um terço dos brasileiros acha que vítima é culpada por ter sofrido estupro, aponta pesquisa. Além do julgamento moral equivocado, os dados indicam que muita gente desconhece o que é considerado crime de estupro.

Clique aqui para assistir ao vídeo e entenda por que, para a legislação brasileira, o conceito do que é estupro supera o que acredita o senso comum.

Acesse no site de origem: Crime do estupro é mais complexo do que se imagina; entenda (Metrô – 21/09/2016)