Defensoria Pública do DF realiza mutirão e série de palestras voltadas aos direitos femininos – Distrito Federal, de 03 a 06/03

Temas como violência durante a gestação e o parto, exposição na internet, palestras para presidiárias e mutirão de esclarecimentos farão parte da semana que comemora o Dia Internacional da Mulher

Em comemoração ao próximo dia 8/3, Dia Internacional da Mulher, a Defensoria Pública do Distrito Federal (DPDF) promove uma semana voltada aos direitos femininos. A Semana da Mulher acontece entre os dias 03 e 06/03 e traz palestras informativas e educacionais, além de um mutirão de esclarecimentos jurídicos e plantão de dúvidas. Os eventos serão gratuitos e abertos ao público.

“O objetivo é dar visibilidade às principais demandas das mulheres e pautar o tema junto à sociedade, pois é papel da Defensoria Pública do DF orientar as mulheres sobre seus direitos”, explica a coordenadora do Núcleo de Assistência Jurídica de Defesa da Mulher da DPDF, Dulcielly Nóbrega Almeida.

A semana comemorativa começa na terça-feira (03), com a palestra “Direito à saúde sob uma perspectiva de gênero”, onde será abordada a violência obstétrica no país, seja na gestação, no parto ou no atendimento em casos de aborto. Haverá ainda uma mesa redonda sobre o tema, com a presença do deputado federal Jean Wyllys (PSOL), da professora da faculdade de Direito da Universidade de Brasília (UnB), Camila Prando e da secretária de Política para as Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos, Marise Nogueira. Ambos acontecem no auditório da Escola de Assistência Jurídica (Easjur) da Defensoria Pública do DF das 9h às 12h. A capacidade máxima é de 100 pessoas, que terão prioridade por ordem de chegada.

A quarta-feira fica reservada para as internas da Penitenciária Feminina do Distrito Federal. As presidiárias aprenderão os “Direitos das mulheres em situação de prisão”, palestra que abordará os direitos e benefícios que a Lei de Execução Penal assegura às mulheres presas. “Conscientizar as detentas quanto aos seus direitos e benefícios possibilita torná-las fiscais do cumprimento da lei”, diz a defensora pública do Núcleo de Defesa da Mulher da DPDF, Denise Lavor.

A violência contra a mulher no mundo virtual é o destaque da manhã de quinta-feira (5). O tema “Cybervingança: redes sociais como instrumento de violência contra a mulher” será abordado em debate com a participação da socióloga da UnB, Ana Paula Antunes Martins, da Delegada-Chefe da Delegacia da Mulher, Ana Cristina Melo Santiago e da vencedora do Prêmio Nacional Educação em Direitos Humanos, Gina Vieira Ponte. Será ministrada ainda a palestra “Pornografia da vingança: intimidade e sexualidade na era das trocas digitais”. Os eventos acontecem das 8h30 às 12h, também no auditório da Easjur da DPDF.

Para finalizar a semana, na sexta-feira (6) será realizado o Mutirão da Mulher, das 9h às 16h, na plataforma inferior da Rodoviária do Plano Piloto. O objetivo é prestar esclarecimentos jurídicos às mulheres, com atendimentos sobre direito de família, Lei Maria da Penha e outras questões relativas aos direitos femininos. O evento conta com a parceria da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM), do Conselho dos Direitos da Mulher e da Secretaria de Estado de Políticas para as Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos (SEMIDH).

Serviço: Semana da Mulher da Defensoria Pública do DF

Dia 03/03 às 09h às 12h

Palestra: “Direito à saúde sob uma perspectiva de gênero”, com a defensora pública, Dulcielly Nóbrega de Almeida, a Presidente da Rede pela Humanização do Parto e Nascimento e integrante da diretoria da International MotherBaby Childbirth Organization, Daphne Rattner e a Coordenadora-Geral da Saúde da Mulher da Secretaria de Políticas para as Mulheres/Presidência da República, Rurany Silva.

Local: SCS, Qd 08, Edifício Venâncio 2000, Bloco B-60, 2° Andar, Sala 240 – Auditório da EASJUR.

Capacidade: 100 pessoas, por ordem de chegada

 

Dia 04/03 às 09h30

Palestra: “Direito das mulheres em situação de prisão”, com as defensoras públicas Denise Lavor e Regina Andrade

Local: Presidio Feminino do DF.

Apenas para as internas

 

Dia 05/03 às 08h30 às 12h

Debate: “Cybervingança: redes sociais como instrumento de violência contra a mulher”, com a pesquisadora e doutoranda em Sociologia pela UnB, Ana Paula Antunes Martins, Delegada-Chefe da Delegacia da Mulher, Ana Cristina Melo Santiago e a vencedora do Prêmio Nacional Educação em Direitos Humanos e autora do projeto “Mulheres Inspiradoras”, Gina Vieira Ponte

Palestra: “Pornografia da vingança: intimidade e sexualidade na era das trocas digitais”, com a defensora pública Dulcielly Nóbrega de Almeida

Local: SCS, Qd 08, Edifício Venâncio 2000, Bloco B-60, 2° Andar, Sala 240 – Auditório da EASJUR

Capacidade: 100 pessoas, por ordem de chegada

 

Dia 06/03 das 09h às 16h

Mutirão da Mulher – Plantão de Dúvidas

Local: plataforma inferior da Rodoviária do Plano Piloto

programacao defensoria df marco 2015