Desembargadores visitam obra da Casa da Mulher Brasileira em São Luís (TJMA – 07/06/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A casa abrigará todos os serviços para atender as mulheres vítimas de violência.

Com o objetivo de conhecer a estrutura e avaliar os benefícios de instalação dos serviços do Judiciário, destinados à mulher vítima de violência doméstica, o presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), desembargador Cleones Carvalho Cunha, e a presidente da Coordenadoria Estadual da Mulher, desembargadora Angela Salazar, visitaram a obra da Casa da Mulher Brasileira, que está sendo construída pelo Governo do Maranhão, com apoio do governo federal.

Na visita, foram apresentados os detalhes da obra (Foto: Ribamar Pinheiro)

Na visita, foram apresentados os detalhes da obra (Foto: Ribamar Pinheiro)

A visita foi feita a convite do governador Flávio Dino que, juntamente com a secretária de Estado da Mulher, Laurinda Pinto, apresentaram toda a estrutura não só às autoridades do Judiciário maranhense, mas também ao prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, e aos representantes do Ministério Público do Maranhão, Defensoria Pública e Segurança, Prefeitura de São Luís, que também integrarão os serviços no complexo destinado às mulheres que sofrem violência das mais diversas formas.

A ideia é instalar na Casa da Mulher Brasileira, a Vara Especializada no Combate à Violência Doméstica e Familiar do Termo Judiciário de São Luís da Comarca da Ilha, que hoje funciona no Fórum Des. Sarney Costa, no Calhau. O juiz titular da Vara, Nelson Moraes Rego, também esteve presente na visita.

“Temos que nos integrar e, também, trazer o Judiciário, para que essa prestação jurisdicional seja mais rápida e efetiva. Aqui, integrados, o sistema deverá funcionar melhor ainda. Esforços concentrados são muito importantes, como o que o Judiciário promoverá em breve – a Semana da Mulher – na qual teremos ações importantes de conscientização mas, principalmente, o julgamento de ações de violência contra a mulher”, declarou o desembargador Cleones Cunha, durante a visita à Casa da Mulher.

Para o presidente e a desembargadora Angela Salazar, as instalações oferecidas pela Casa da Mulher ao Judiciário são bastante amplas e confortáveis. Durante a visita, o governador do Estado mostrou, pessoalmente, a planta baixa do local às autoridades, indicando as instalações do Judiciário e também caminhou pelo local, que já está com obras adiantadas.

Para o governador Flávio Dino, a integração institucional resultará em maior eficácia para o enfrentamento da violência contra a mulher. “Essa casa trará um grande avanço porque teremos uma integração e diálogo entre as instituições, um atendimento mais confortável e, acima de tudo, mais efetivo. É um modelo que podemos levar para outras regiões do Estado”, disse.

O governo do Estado colocou-se à disposição das instituições presentes para análise das instalações e, se necessário e possível, fazer pequenas adequações que sejam de relevância, sempre com o objetivo de que o sistema de atendimento à mulher vítima de violência possa funcionar em sua totalidade, na Casa da Mulher Brasileira. O projeto, com área total de três mil metros quadrados, funcionará 24 horas por dia.

Assessoria de Comunicação do TJMA

Acesse no site de origem: Desembargadores visitam obra da Casa da Mulher Brasileira em São Luís (TJMA – 07/06/2016)