Educação do Paraná organiza estratégias de combate à violência contra a mulher (Gov/PR – 11/09/2015)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A Secretaria de Estado da Educação, em conjunto com outras secretarias e órgãos que representam a sociedade civil, lançará uma campanha para debater o problema da violência contra a mulher. A primeira reunião para definir estratégias e ações de trabalho aconteceu nesta sexta-feira (11), em Curitiba. As ações serão desenvolvidas em longo prazo.

Participaram do encontro representantes de departamentos da Secretaria da Educação, do Ministério Público do Paraná, da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Paraná, Delegacia da Mulher, participantes de grêmios estudantis, da Assessoria Especial da Juventude Paraná e do sindicato que representa os professores.

“A violência contra a mulher é uma preocupação da Secretaria da Educação e envolve toda a sociedade. Queremos levar essa discussão para além das escolas, para que toda a comunidade debata e ajude a combater esse crime”, explicou a superintendente da Educação, Fabiana Campos.

A ideia é envolver vários segmentos da sociedade civil organizada para discutir o assunto. O Departamento da Diversidade e o Departamento de Gestão Educacional vão organizar os trabalhos dentro da Secretaria da Educação.

“Será feito um trabalho em conjunto. Queremos chamar a atenção dos nossos estudantes, professores e funcionários com relação à violência contra a mulher, que isso não é uma atitude normal. Tem uma frase marcante que diz que ‘quem bate na mulher machuca a família inteira’”, disse a chefe do Departamento da Diversidade, Marise Ritzmann Loures.

A Secretaria da Educação já desenvolve ações dentro das escolas para debater a violência, com discussões sobre os direitos das crianças e dos adolescentes assegurados pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), e das diversas formas de violência. “A ideia agora é ampliar essa discussão com toda a sociedade com relação à violência contra a mulher”, explicou a chefe do Departamento de Gestão Educacional, Cristiana Gonzaga.

“Outro fator importante é dar visibilidade para os trabalhos realizados dentro da Secretaria de Educação. Já temos pesquisas de gênero que são organizadas dentro do Plano de Desenvolvimento Educacional (PDE) e outras pesquisas feitas por mestrandos que fazem parte da rede estadual de ensino. O objetivo é agregar forças, organizar as ideias e fortalecer o combate à violência”, definiu Cristiana Gonzaga.

Acesse no site de origem: Educação organiza estratégias de combate à violência contra a mulher (Gov/PR – 11/09/2015)