Em 2019, Casa da Mulher Brasileira de Curitiba fez mais de 18 mil atendimentos

Em 2019, a Casa da Mulher Brasileira, que atende mulheres vítimas de violência doméstica, fez cerca de 18 mil atendimentos, um número 60% maior do que o registrado em 2018. Desde 2016, quando o local foi inaugurado, são mais de 44 mil atendimentos.

Dos atendimentos feitos em 2019, 149 mulheres e 169 crianças precisaram de alojamento temporário.

Além disso, desde março de 2019, a Delegacia da Mulher da Polícia Civil foi integrada à Casa da Mulher Brasileira, com o objetivo de promover, em um único lugar, os serviços necessários para que as mulheres saiam do ciclo de violência física ou psicológica.

Quem chega à Casa passa por uma triagem, atendimento psicológico e social e de acordo com a necessidade é encaminhada para o Juizado de Violência Doméstica e Familiar, Ministério Público, Delegacia da Mulher, Defensoria Pública e Polícia Militar.

O espaço ainda conta com uma brinquedoteca com atendimento psicológico para os filhos de vítimas.

De acordo com os pesquisadores, a violência doméstica contra mulheres afeta uma em cada três mulheres brasileiras (violência física), e uma em cada duas (violência psicológica).

O Brasil é o 5º país com a maior taxa de feminicídio no mundo e há fortes evidências de que muitos desses homicídios estão relacionados com a violência doméstica.

A Casa da Mulher Brasileira fica na Avenida Paraná, número 870, no bairro Cabral.

Repórter William Bittar

Acesse no site de origem: Em 2019, Casa da Mulher Brasileira fez mais de 18 mil atendimentos (CBN – 06/01/2020)