EPB e TJPB realizam seminário sobre violência de gênero – Campina Grande/PB – 11/12/2019

“Feminicídio: marca cruel da Violência de Gênero”. Este é o tema da conferência de abertura do 1º Seminário Integrador: Feminicídio em foco, que acontecerá, no próximo dia 11, no Centro de Convenções Raymundo Asfora, na cidade de Campina Grande. O evento, que tem o apoio do Tribunal de Justiça da Paraíba, por meio da Coordenadoria da Mulher em situação de Violência Doméstica e Familiar, é promovido pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). Serão debatidas ações voltadas ao enfrentamento à violência contra a mulher no Estado, com destaque para os casos de feminicídio, cujos dados são alarmantes.

Segundo o Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), em 2017, foram vítimas de feminicídio no Brasil 1.047 mulheres, enquanto que em 2018 esse quantitativo aumentou para 1.173 casos. Na Paraíba, foram registrados 74 assassinatos de mulheres pela condição do sexo feminino em 2017 e 77 assassinatos em 2018.

Na ocasião do Seminário, será assinado o convênio interinstitucional entre a Universidade Estadual e as instituições e órgãos parceiros, bem como, será o lançamento do Portal do Observatório do Feminicídio na Paraíba, que estará inserido dentro do site da UEPB. O Seminário será a primeira atividade a ser realizada pelo observatório, que leva o nome da Professora Bríggida Rosely de Azevedo Lourenço, vítima de feminicídio.

“Será por meio do Observatório que poderemos articular ações entre os parceiros a partir de pesquisas e estudos de extensão, que servirão para a implementação e ou melhorias de políticas públicas nesta seara”, destacou a magistrada Graziela Queiroga, coordenadora da Mulher em situação de Violência Doméstica e Familiar do TJPB, acrescentando que ao se tornar parceiro da UEPB nesta iniciativa, o Tribunal de Justiça da Paraíba entende a importância desse equipamento no enfrentamento ao crime de Feminicídio.

O encontro terá, também, oficinas integradoras, que abordarão os temas “Feminicídio: múltiplos olhares sob a perspectiva interdisciplinar” e “Recortes do Feminicídio: reflexões para além dos dados”. Participarão, também, representantes da Comissão Permanente de Combate à Violência Contra a Mulher do Grupo Nacional de Direitos Humanos, Ministério Público da Paraíba, do Departamento de Psicologia da UEPB, da Ordem dos Advogados do Brasi – Seccional Paraíba, da Secretaria de Estado da Mulher e da Diversidade Humana e da Polícia Militar da Paraíba.

Acesse no site de origem: EPB e TJPB realizam seminário sobre violência de gênero – Campina Grande/PB – 11/12/2019 (MaisPB, 05/12/2019)