Governo de Andradina e TJ-SP assinam convênio para o Anexo da Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher (Pref. Andradina – 17/06/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

O prefeito Jamil Ono (PT) assinou, na manhã desta sexta-feira (17), o convênio entre o Governo de Andradina e Tribunal de Justiça (TJ-SP) para implantação do Anexo da Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher e a Família da Comarca de Andradina. O ato ocorreu no Fórum da Comarca.

Jamil esteve ao lado do Juiz de Direito Dr. Thiago Henrique Teles Lopes, um dos idealizadores do projeto, do Juiz de Direito Dr. Douglas Borges da Silva, do promotor de Justiça, Carlos Alberto Pereira Leitão Junior, da juíza substituta, Licia Eburneo Izeppe Pena, da delegada titular da DDM (Delegacia de Defesa da Mulher), Larissa Nakaya Macchi, e do vice-prefeito Dr. Charles Kobayashi (PSD). Pela Câmara acompanhou os vereados Silas Carlos (PDT), Maria Nadir (PSD), Nelson Pegoraro (PSD), Joaquim Justino da Silva (PSDB) e recém-empossada Edna Ribeiro (PT).

foto Prefeito Jamil e o Juiz de Direito Dr. Thiago Henrique Teles durante ato de assinatura O projeto prevê que o Anexo atenda além de Andradina, os municípios de Castilho, Nova Independência e Murutinga do Sul. No convênio, o Governo de Andradina fica responsável por fornecer a equipe de apoio para o trabalho (quatro servidores públicos municipais, sendo um assistente jurídico, um assistente administrativo, um psicólogo e um assistente social, além de dois estagiários), o mobiliário e os equipamentos de informática.

Jamil ao lado do Dr. Thiago Henrique Teles Lopes, visitou a sala que fica no Fórum e que receberá o anexo. “Não se trata apenas de ações penais e inquéritos, mas sim de todo um apoio e atendimento psicossocial. É o fortalecimento da segurança e da proteção das mulheres”, comenta Jamil.

Jamil também elogiou o trabalho do Dr. Thiago no município, que está indo para a cidade de Campinas, e de Dr. Douglas Borges que vai para Rio Preto, estendendo também aos demais juízes da Comarca.

“Enalteço o trabalho do juiz Thiago, sendo um egrégio da nova geração, preocupado com os diversos setores, com a condição de cada cidadão e o desenvolvimento social e por sempre estar inserido nas mais diversas iniciativas, como a realização de palestras nas escolas de Andradina e região, orientando os jovens, e por nos orientar nesta ação de garantir ainda mais os diretos das mulheres”, ressalta Jamil.

Dr. Thiago abraçou e agradeceu o apoio e o trabalho do prefeito Jamil neste projeto pioneiro, já que Andradina será a terceira cidade do Estado, fora da capital, a contar com o Anexo da Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher e a Família.

“Será um trabalho assistencial e um exemplo para o país. Em um esforço coletivo de todos. É um tratamento psicossocial tanto para a mulher como para o agressor, rompendo o ciclo de violência”, comentou Dr. Thiago agradecendo ao Governo de Andradina, a Câmara Municipal, o Ministério Público, a Polícia Civil, o poder judiciário e todos que ajudaram na criação do projeto.

O objetivo do Governo de Andradina em sediar a unidade para atendimento de casos de violência doméstica contra a mulher vem ao encontro do fortalecimento da Lei Maria da Penha (Lei nº 11.340). “Existe uma necessidade de olhar o desenvolvimento social e a melhoria de uma comunidade, com as mulheres tendo condições de exercer a justiça, sendo protegidas, criando uma sociedade cada vez mais harmônica”, comenta Dr. Charles.

Participaram também do ato o secretário de Saúde Ari Guimarães Soares, e o secretário de Negócios Jurídicos, Leonardo Freitas.

Mulheres do Governo de Andradina – Existe uma grande presença feminina da equipe do Governo e parte delas estiveram presentes na plateia: secretária de Governo de Gestão Participativa, Denise Silva, a secretária de Promoção à Cidadania e Direitos Humanos, Kamila Cangussu, a secretária de Promoção e Assistência Social, Lucineia Pereira, a secretária de Cultura, Keila Vianna, a secretária de Habitação, Ana Carolina Silva Gomes, a secretária-adjunta de Saúde, Adriana Previato, coordenadora de Igualdade Racial, Marinalva Pereira, a cordenadora de políticas para Mulheres, Paola Kotaki, as assessoras, Sandra Pereira, Elaine Vogel e Jane Martins, a coordenadora do Espaço da Paz, Marina Borges, a chefe de divisão da Agricultura, Fátima Calister.

Acesse no site de origem: Governo de Andradina e TJ-SP assinam convênio para o Anexo da Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher (Pref. Andradina – 17/06/2016)