Governo do Estado lança campanha de combate ao assédio sexual e moral contra mulheres (Gov/MS – 14/05/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

O assédio sofrido pelas mulheres nos espaços públicos e nas ruas acontecem com frequência. Olhares invasivos, assovios, comentários e gestos agressivos são formas de assédio sexual. Gritos, xingamentos e humilhação são maneiras de assédio moral. Para acabar com essa prática e conscientizar a população sobre os direitos das mulheres, o Governo do Estado lançou neste sábado (14) a Campanha Estadual de Combate ao Assédio Sexual e Moral contra Mulheres.

Lançamento da Campanha Estadual de Combate ao Assédio Sexual e Moral contra Mulheres (Foto: Chico Ribeiro)

Lançamento da Campanha Estadual de Combate ao Assédio Sexual e Moral contra Mulheres (Foto: Chico Ribeiro)

O lançamento ocorreu no Centro de Convenções e Exposições Albano Franco, onde é realizada a Caravana da Saúde do Governo do Estado. Para a subsecretária de Políticas Públicas para Mulheres, da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast), Luciana Azambuja, a Caravana foi a oportunidade certa para o lançamento da campanha. “Entendemos que as mulheres que vêm buscar serviços de saúde também podem receber informações sobre seus direitos”, disse.

A campanha foi idealizada pela Subsecretaria das Mulheres e apoiada pela Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, que custeou a impressão de 30 mil folders com informações relevantes sobre os direitos da mulher e formas de combate aos assédios sexual e moral. “Vamos fazer palestras, divulgação da valorização da mulher no ambiente de trabalho e levar informação para todos os municípios com apoio da Assembleia”, falou Luciana. De acordo com ela, o objetivo é enfrentar a violência no espaço público (nas ruas), no privado (no ambiente de trabalho) e no doméstico (nas casas).

Representante da Casa de Leis, o deputado estadual Pedro Kemp tratou a questão da violência contra à mulher como epidemia, que atinge Mato Grosso do Sul e o Brasil. “É preciso que haja mobilização na sociedade no sentido de combater e conscientizar sobre o tema. Temos que educar as pessoas”, afirmou. Ele reconheceu a importância do projeto e garantiu que a Assembleia está engajada na distribuição do material educativo para tornar a questão mais conhecida, “orientando as mulheres sobre como fazer para se proteger e denunciar casos de assédio moral e sexual”.

As palestras da campanha, que serão permanentes, começam neste domingo (15), às 9h, no Espaço Mulher montado na Caravana da Saúde. A participação é gratuita. Depois da Caravana, os palestrantes falarão sobre o tema em terminais de ônibus e grandes centros que reúnem diversos públicos.

Bruno Chaves, da Subsecretaria de Comunicação do Governo do Estado

Acesse no site de origem: Governo do Estado lança campanha de combate ao assédio sexual e moral contra mulheres (Gov/MS – 14/05/2016)