Governo vai mapear pontos perigosos de violência sexual nas estradas do Piauí (Portal O Dia – 12/07/2015)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Relatório do mapeamento será usado pelo Governo Federal para para traçar políticas públicas de combate à exploração sexual.

Assim como ocorre nas rodovias federais de todo o País, o Governo do Piauí vai mapear os pontos suscetíveis a ocorrências de violência sexual contra crianças e adolescentes nas rodovias estaduais.

A Polícia Rodoviária Federal, que faz o levantamento nas estradas federais, assinou um termo de cooperação técnica com a Polícia Militar do Piauí, que vai mapear os pontos nas vias estaduais.

O lançamento do Projeto Mapear, que é desenvolvido pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), aconteceu na última sexta-feira, durante solenidade no Quartel do Comando Geral da Policia Militar (QCG-PM), em Teresina.

“Nós vamos buscar o apoio dos Conselhos Tutelares, do Ministério Público e do Juizado da Criança e do Adolescente, já que essa não é uma abordagem comum”, destacou o comandante Polícia Militar no Piauí, coronel Carlos Augusto, também presente. “Sabemos que a BR 316 é onde mais existem pontos de exploração. Para evitar o crescimento desses pontos no Estado, é preciso ficar atento também nas rodovias estaduais”, ressaltou o presidente da Comissão Nacional de Direitos Humanos da PRF, inspetor Juciano Marques.

O Projeto Mapear da PRF tem como objetivo descobrir pontos suscetíveis a ocorrências de violência sexual contra crianças e adolescentes nas rodovias federais do Brasil inteiro. A cada dois anos, depois de mapeado os pontos de exploração, é montado um relatório, que é usado por vários órgãos do Governo Federal, assim como órgãos estaduais, para que possa ser traçado politicas públicas voltadas para o combate à exploração sexual de crianças e adolescentes, assim como ações de repressão a citada prática.

“É claro que sabemos que não é o suficiente, mas a Sasc cumprindo o seu papel institucional, já promoveu este ano, capacitação de profissionais e técnicos que atuam nas políticas de assistência social dos 224 municípios do Piauí, orientando-os e informando-os sobre a necessidade do combate ao abuso e exploração sexual”, ponderou o secretário da Sasc, Henrique Rebêlo, que representou o governador Wellington Dias na solenidade.

Participam do encontro também a senadora Regina Sousa, representantes Conselhos Tutelares de Teresina, da Prefeitura Municipal de Teresina, da OAB, do Ministério Público e do Juizado da Infância e da Juventude.

Robert Pedrosa

Acesse no site de origem: Governo vai mapear pontos perigosos de violência sexual nas estradas do Piauí (Portal O Dia – 12/07/2015)