Homem é condenado a 54 anos de prisão por matar namorada e enteado (G1/Pernambuco – 03/08/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Marcos Aurélio Barbosa da Silva cometeu o crime em fevereiro de 2014. Após julgamento, no Fórum de Olinda, ele voltou ao presídio de Igarassu

O reú Marcos Aurélio Barbosa da Silva foi condenado, por júri popular, a 54 anos de reclusão por ter assassinado a namorada, a professora Sandra Lúcia Fernandes, de 48 anos, e o filho dela, Icauã Rodrigues, de 10 anos. O crime aconteceu em fevereiro de 2014, no bairro de Jardim Atlântico, em Olinda, após o casal voltar de uma prévia carnavalesca. Após o julgamento, realizado na Vara do Tribunal do Júri de Olinda nesta quarta-feira (3), ele retornou ao presídio de Igarassu, na Região Metropolitana do Recife. [Veja vídeo acima]

A condenação incluiu 25 anos de reclusão pelo homicídio triplamente qualificado – motivo fútil, emprego de meio cruel e mediante recurso que impossibilitou a defesa da vítima – de Sandra Lúcia. Com relação a Icauã, os 29 anos de reclusão se referem ao homicídio também triplamente qualificado, mas por emprego de meio cruel, mediante recurso que impossibilitou a defesa da vítima e para assegurar a execução, a ocultação e a impunidade.

Amigos e familiares da vítima, assassinada aos 50 anos, fazem vigília em frente ao Fórum de Olinda (Foto: Renato Ramos/TV Globo)

Amigos e familiares da vítima, assassinada aos 50 anos, fazem vigília em frente ao Fórum de Olinda (Foto: Renato Ramos/TV Globo)

No Fórum de Olinda, amigos e colegas de trabalho da vítima fizeram vigília para aguardar o resultado da sessão, que teve início às 9h40 com o sorteio dos sete jurados que compuseram o Conselho de Sentença. Em seguida, houve a leitura da denúncia pela juíza Andréa Calado. Depois, o interrogatório do réu. As duas testemunhas de acusação que seriam ouvidas na audiência foram dispensadas pelo MPPE.

Um vídeo com o depoimento de testemunhas e do réu gravado durante as audiências de instrução foi exibido. Após a exibição, teve início o debate entre acusação e defesa. Por fim, os jurados definiram, em uma sala reservada, se o réu seria condenado ou absolvido. A juíza prolatou a sentença condenatória às 17h.

Entenda o caso
Em 17 de fevereiro de 2014, a professora de 50 anos e o filho foram assassinados a facadas pelo namorado da vítima, que confessou ter cometido o crime. De acordo com as investigações, o homem teve uma discussão com a namorada durante o desfile do bloco ‘Virgens de Verdade Abraça Brasil’, na véspera do assassinato.

No apartamento do casal, no bairro de Jardim Atlântico, vizinhos relataram à equipe do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) que ouviram a criança gritar enquanto a mãe era atacada. De acordo com laudo tanatoscópico constante nos autos da denúncia do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), a professora foi vítima de sete golpes de faca, e o filho Icauã recebeu dez golpes. Os dois foram enterrados no Cemitério Morada da Paz, em Paulista, também no dia 17 de fevereiro.

Acesse no site de origem: Homem é condenado a 54 anos de prisão por matar namorada e enteado (G1/Pernambuco – 03/08/2016)