Juizado da Violência contra a Mulher e Creas implementam projetos em Parnamirim (TJRN – 09/08/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

O juiz titular do Juizado de Violência Doméstica, Familiar e contra a Mulher da Comarca de Parnamirim, Deyvis de Oliveira Marques, reuniu-se com a Equipe do Centro de Referência Especializado de Assistência Social de Parnamirim (CREAS) para debater, implementar e aprimorar projetos de atendimento psicossocial voltados ao combate à violência contra a mulher. Na ocasião foram apresentados e discutidos os projetos “Reconstruindo o Selfie” e “Lumiar”.

O primeiro projeto,“Reconstruindo o Selfie”, consiste em programa de reeducação e reabilitação de homens. O objetivo é romper o ciclo da violência, levando-os a refletir sobre o delito cometido, o que é implementado por meio de grupos reflexivos para indivíduos que respondem a procedimento relacionados à Lei Maria da Penha, bem como através do encaminhamento à rede pública de atendimento. A finalidade é conscientizá-los acerca do respeito à mulher e à família, difundindo, assim, uma cultura de paz nos lares de Parnamirim.

O segundo projeto, denominado “Lumiar”, consiste em programa de atendimento de vítimas de violência doméstica, através de apoio psicológico, social e jurídico implementado por meio de grupos reflexivos, oficinas, bem como pelo encaminhamento das mulheres aos demais sistemas da rede pública de atendimento.

Durante o encontro, o magistrado ainda estabeleceu a forma de desenvolvimento e encaminhamento dos agressores e das vítimas, atendendo às peculiaridades dos processos da vara e também da estrutura do CREAS/Parnamirim.

Segundo Deyvis Marques, que também é membro da Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência e Representante da Região Nordeste para o Fonavid, “a parceria entre o Juizado da Violência Doméstica de Parnamirim com a Prefeitura do Município, em especial com o CREAS, tem sido fundamental para efetiva implementação da Lei Maria da Penha, a qual determina a atuação conjunta dessas instituições”.

Estavam presentes, a coordenadora do CREAS, Andrea Farias, a advogada Ana Carina Souza Alves, a Assistente Social, Emília Raquel França, a psicóloga, Sâmia Dayana Cardoso, a assistente jurídica, Roberta Monteiro Cruz, além da equipe técnica do JVDFM-Parnamirim, formada pela psicóloga, Anna Luiza Fernandes e pela assistente social, Janaína Morais.

Acesse no site de origem: Juizado da Violência contra a Mulher e Creas implementam projetos em Parnamirim (TJRN – 09/08/2016)