Justiça condena homem que ficou conhecido como ‘maníaco de Guarulhos’ (TJSP – 29/04/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A Vara do Júri de Guarulhos condenou Leandro Basílio Rodrigues a 20 anos de reclusão, em regime fechado, por homicídio qualificado de uma jovem. Ele ficou conhecido na mídia como “maníaco de Guarulhos”.

O réu já foi condenado em outros seis processos na mesma comarca e entre os crimes estão abuso e homicídio de mulheres. No caso julgado na última terça-feira (26), o Conselho de Sentença reconheceu a materialidade e a autoria delitiva em relação ao homicídio, bem como a presença da qualificadora consistente em asfixia, mas negou a materialidade do estupro, absolvendo-o deste delito.

A juíza Maria Gabriela Riscali Tojeira destacou na sentença a brutalidade e violência empregada pelo acusado ao matar a vítima, uma universitária, que revelam total indiferença com a vida humana. “No caso dos autos, evidente, pelas provas produzidas, bem assim pelas cópias juntadas aos autos, inclusive de peças de outros processos por crimes semelhantes que tramitam nesta mesma Vara do Júri, que se trata o réu ora julgado de verdadeiro serial killer, pessoa perigosa, que despreza a vida de seus semelhantes, desprovida de qualquer sentimento de comiseração, capaz de atacar a matar brutalmente pessoas que sequer conhece, apenas por reputá-las indignas de viver.”
Cabe recurso da decisão.

Processo nº 0031081-96.2008.8.26.0224

Comunicação Social TJSP – AG (texto)

Acesse no site de origem: Justiça condena homem que ficou conhecido como ‘maníaco de Guarulhos’ (TJSP – 29/04/2016)