“Justiça em seu Bairro” debate Lei Maria da Penha no Costa e Silva e conclui primeira fase do projeto (TJPB – 01/05/2013)

A primeira fase do projeto “Justiça em seu Bairro – Mulher merece respeito” foi concluída na noite desta terça-feira (30), no conjunto Costa e Silva, em João Pessoa, onde mais uma vez a Justiça levou à comunidade informações e debates sobre a Lei Maria da Penha. O evento foi realizado na Escola Municipal Monteiro Lobato, que recebeu os participantes com uma programação especial, incluindo apresentação de banda marcial, grupos de danças e performance circense; tudo feito por alunos da escola.

A coordenadora do projeto, a juíza Rita de Cássia Andrade, titular do Juizado da Violência Doméstica e Familiar da Comarca de João Pessoa, não escondeu a alegria em afirmar que o programa está sendo bem recebido pelas comunidades. “É motivo de satisfação e alegria poder verificar, pelo entusiasmo das pessoas, que o projeto está sendo bem aceito pelo povo. Por onde passamos, a recepção sempre foi calorosa”, ressaltou.

O projeto é pioneiro no país e mudou a rotina da atividade judiciária, que tradicionalmente é realizada em gabinetes, segundo comentou a juíza Rita de Cássia. “Com esse projeto, a Justiça saiu do ambiente fechado dos tribunais, dos gabinetes, para se aproximar do povo”, declarou.

A magistrada reafirmou que “Justiça em Seu Bairro” é antes de tudo uma ação social. “Com esse projeto, que está levando informações às comunidades da Capital, a Justiça está se antecipando aos delitos, evitando assim o acúmulo de processos envolvendo casos de violência doméstica”, pontuou.

O sucesso da iniciativa foi ressaltada pela diretora da Escola, a educadora Rosália Ferreira Leite. Ela disse que a comunidade do Costa e Silva já tinha conhecimento do projeto, vez que o mesmo já visitou outros bairros, onde promoveu debates sobre a Lei Maria da Penha. “A comunidade do Costa e Silva estava ansiosa para receber o projeto. Foi feito a divulgação e o povo compareceu para prestigiar o evento”, comentou.

Depoimento semelhante foi feito pela senhora Cristiane Sousa, mãe de aluno da escola. “É muito importante para a comunidade, principalmente para nós, mulheres, participar de um debate como esse, onde a questão da violência doméstica contra a mulher é debatida por pessoas que entendem do assunto”, frisou.

Ação

O projeto foi lançado no dia 8 de março, no bairro do Rangel. Depois, visitou às comunidades do Cidade Verde, Mandacaru, Bairro dos Novaes, Valentina Figueiredo e Costa e Silva, completando assim a primeira fase, nesse período referente aos 100 primeiros dias de gestão da presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba, desembargadora Fátima Bezerra Cavalcanti.

Acesse no site de origem: “Justiça em seu Bairro” debate Lei Maria da Penha no Costa e Silva e conclui primeira fase do projeto (TJPB – 01/05/2013)