Maníaco da bicicleta é condenado a 84 anos (TJMT – 10/06/2015)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Vanderlei Rozeno de Oliveira, que ficou conhecido como “maníaco da bicicleta” no município de Cáceres (225km de Cuiabá), foi condenado a 83 anos e quatro meses de reclusão em regime fechado, por sete crimes cometidos entre os meses de outubro e novembro de 2014. A decisão é do juiz Jorge Alexandre Martins Ferreira, da 1ª Vara Criminal.

De acordo com a decisão, o réu foi condenado por cometer quatro roubos seguidos de estupros – sendo um deles estupro de vulnerável – e três roubos majorados, aqueles que têm acréscimo na pena por serem qualificados. Considerando a reiteração criminosa, o fato de serem crimes sexuais e com vítimas diferentes, as penas impostas a cada crime foram somadas.

Conforme o processo, o réu abordava as vítimas usando uma bicicleta, roubava objetos pessoais, fazia ameaças e estuprava mulheres. Para o magistrado Jorge Alexandre Martins Ferreira, “a conduta do acusado é extremamente reprovável”. Por conta disso, ele foi condenado a pena definitiva de mais de 80 anos além do pagamento de 1.796 dias multa. De acordo com o artigo 49 do Código Penal, a pena de multa consiste no pagamento ao fundo penitenciário da quantia fixada na sentença e calculada em dias-multa. O valor unitário da pena pecuniária foi arbitrado em 1/30 do salário mínimo vigente à época dos fatos.

Ao réu foi negado o direito de recorrer da sentença em liberdade. Vanderlei Rozeno de Oliveira permanece preso na Cadeia Pública de Cáceres.

Assessoria de Comunicação CGJ-MT

Acesse no site de origem: Maníaco da bicicleta é condenado a 84 anos (TJMT – 10/06/2015)