Ministério Público denuncia garçom que matou vendedora em Nova Mutum (Só Notícias – 07/05/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

O Ministério Público Estadual (MPE) denunciou José Machado Fernandes, 52 anos, pelo assassinato da vendedora Tânia Ottonelli, 43 anos, no dia 14 do mês passado, em Nova Mutum. O réu vai responder por homicídio, cometido por motivo torpe e recurso que dificultou a defesa da vítima. A Promotoria ainda entendeu que o crime envolveu violência doméstica e menosprezo ou discriminação à condição de mulher, o que pode agravar a pena em caso de condenação.

A juíza responsável pelo caso, Luciana de Souza Cavar Moretti, da Primeira Vara de Nova Mutum, ainda não decidiu se acata o pedido do Ministério Público.

José se entregou à Polícia Civil de Campo Novo do Parecis dias após o crime. Em conversa informal, ele confessou e deu detalhes sobre o crime aos policiais. Segundo a versão contada na delegacia, ele comprou a faca com a intenção de se matar, pois estava sendo, supostamente, ameaçado pelo namorado da vítima. Porém, de última hora, decidiu assassinar Tânia.

Conforme Só Notícias já informou, a hipótese apurada é de crime passional. Logo após o homicídio, a delegada Angelina Ferreira disse que Tânia relatou que estava sendo seguida e ameaçada pelo ex-namorado, devido ao fim do relacionamento. Após a denúncia, a vendedora conseguiu obter medida protetiva na Justiça e o acusado estava impedido de se aproximar dela. Em caso de descumprimento, seria preso.

Tania foi brutalmente morta quando estava no canteiro que divide as avenidas Uirapurus e Mutum, na área central da cidade. Ela teria sido seguida pelo criminoso e foi atingida no pescoço e no tórax, segundo os bombeiros, que a levaram ao hospital. A vendedora perdeu muito sangue e não resistiu aos graves ferimentos.

Ela foi velada em um memorial onde estiveram centenas de pessoas e sepultada em Mutum, onde residia há vários anos, e trabalhava em uma loja de confecções. Era viúva e tinha dois filhos.

Hebert de Souza

Acesse no site de origem: Ministério Público denuncia garçom que matou vendedora em Nova Mutum (Só Notícias – 07/05/2016)