Ministra Cármen Lúcia envia mensagem de apoio à III Semana Justiça pela Paz em Casa (TJRN – 30/11/2015)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A ministra do Supremo Tribunal Federal, Cármen Lúcia, enviou mensagem de estímulo ao presidente do Tribunal de Justiça do RN, desembargador Claudio Santos, e a todos os magistrados, servidores do Judiciário e integrantes de órgãos parceiros da III Semana Nacional Justiça pela Paz em Casa, que começa nesta segunda-feira (30) e prossegue até a quarta-feira (4), em todo o país. “Começamos mais um esforço concentrado de exercício de jurisdição na campanha da Justiça pela Paz em Casa”, destaca a integrante do STF no apoio externado às equipes que estarão atuando nos Tribunais de Justiça e entidades parceiras durante esta semana com júris, audiências, palestras, ações sociais e culturais para conscientizar homens e mulheres para praticar a cultura do respeito no lar e em sociedade. A magistrada da corte suprema do país enfatizou que estará acompanhando os trabalhos da campanha e exortou cada um a fazer a sua parte em favor da conscientização de todos para esta problemática. O Brasil é um dos cinco países com mais casos de agressão a parcela feminina da sociedade.

A coordenadora da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar no Judiciário potiguar, juíza Fátima Soares, salienta o empenho da ministra no sentido de fazer a Justiça brasileira a realizar um trabalho que alcance a mulher mais simples e sofrida, perfil que faz parte da maioria das vítimas de agressões, ameaças e perseguição no país. “A ministra Cármen Lúcia desperta nos gestores dos Tribunais de Justiça do Brasil uma consciência cívica de que todos somos responsáveis por fomentar a justiça, a paz e o amor nas casas daquelas mulheres que sofrem o flagelo da violência doméstica e familiar”, observa a magistrada potiguar.

As ações da terceira edição da Semana começam nesta segunda em Campo Grande, a 278 quilômetros de Natal, com o Expresso Justiça Itinerante com atendimento jurídico e audiências, audiências em processos que envolvem violência doméstica, apresentação do Grupo da Polícia Militar “As Absolutas”, visita ao Conjunto Padre Pedro, mais conhecido como “Bairro das Mulheres” e ações sociais como expedição de documentos (carteira de identidade, CPF, Carteira de Trabalho, reservista), oficinas de arte, atendimento jurídico, psicológico, social e palestra para homens. O evento tema apoio da prefeitura municipal.

Acesse no site de origem: Ministra Cármen Lúcia envia mensagem de apoio à III Semana Justiça pela Paz em Casa (TJRN – 30/11/2015)