MP-SP manifesta apoio à Juíza que sofreu ataque em Fórum do Butantã (MPSP – 31/03/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Nota Pública da PGJ expressa a importância do trabalho de enfrentamento à violência de gênero

A Procuradoria-Geral de Justiça vem a público manifestar-se em relação aos ataques sofridos pela Juíza Tatiane Moreira Lima, da Vara de Violência Doméstica do Foro Regional do Butantã, em São Paulo.

Logo do Nucleo de GeneroO ataque à Magistrada é um ataque a todas e todos nós. Ocorreu no espaço de enfrentamento à violência doméstica, contra uma Juíza no exercício de suas funções, em razão de um processo por violência de gênero.

Além disso, a divulgação e os compartilhamentos de imagens da Magistrada rendida representaram um ato de desrespeito à sua imagem e à sua família. Trata-se de inegável e desnecessária revitimização, que tende a perpetuar a dor e o sofrimento.

Esses fatos ainda externaram o que milhares de mulheres sofrem todos os dias dentro de seus lares, na presença de filhos e sem a presença de policiais.

É preciso persistir. É preciso refletir e lutar para romper padrões machistas que legitimam essa violência, para que um dia possamos viver em uma sociedade justa e igualitária.

Neste momento, a Procuradoria-Geral de Justiça presta apoio e solidariedade à Juíza Tatiane Moreira Lima e à combativa colega e Promotora de Justiça Ana Paola Ferrari Ambra, que estava presente no momento dos fatos, bem como a todos os integrantes do Poder Judiciário, do Ministério Público e da sociedade que dia a dia lutam no enfrentamento à violência de gênero.

Procuradoria-Geral de Justiça
Núcleo de Gênero do Ministério Público de São Paulo

Acesse no site de origem: MP-SP manifesta apoio à Juíza que sofreu ataque em Fórum do Butantã (MPSP – 31/03/2016)