MPCE realiza oficina de capacitação para atendimento a vítimas de violência doméstica – Juazeiro do Norte/CE, 23 e 24/01/2014

A Coordenação dos Núcleos de Gênero Pró-Mulher do Ministério Público do Estado do Ceará, em parceria com a Escola Superior do Ministério Público (ESMP) realizará, nos dias 23 e 24, a partir das 8h, a I Oficina de gênero e violência contra a mulher – Enfocando a questão da violência sexual e doméstica. A capacitação será no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil Secção Ceará (OAB/CE), na rua Manoel Pires, 555 – Lagoa Seca, Juazeiro Norte.

Segundo a procuradora de Justiça e coordenadora dos Núcleos de Gênero Pró-Mulher, Magnólia Barbosa, a I Oficina de gênero e violência contra a mulher pretende contribuir para mudar a realidade da violência doméstica na Região do Cariri. “Nosso objetivo é alcançar as metas de capacitação das pessoas indicadas, tornando-se aptas a lidar com as pessoas vítimas de violência doméstica, prestando-lhes esclarecimentos, entregando-lhes cartilhas com a Lei 11.340/06”, reforça.

O curso se propõe a formar 100 participantes das diversas áreas consideradas estratégicas, tais como: membros do Ministério Público do Estado do Ceará, servidores públicos que lidam no seu dia a dia com violência doméstica, professores, enfermeiros, pessoas que trabalham em postos de saúde, hospitais, colégios e população em geral interessada no assunto. As inscrições podem ser feitas no local ou pela página eletrônica da ESMP www.mpce.mp.br/esmp/cursos.asp.

Conforme o conteúdo programático da capacitação, a oficina repassará conhecimentos a cerca do conceito de gênero; conceito de violência; tipos de violência doméstica contra a mulher: violência doméstica, violência sexual, tráfico de mulheres, assédio sexual, etc. Além disso, serão estudados os mitos e estereótipos quanto à violência doméstica e sexual; por que as mulheres aguentam tanto tempo uma situação de violência? Um olhar sobre a vivência das mulheres; as consequências da violência doméstica e sexual para a saúde física e mental das mulheres. Ademais, serão analisadas a Lei Maria da Penha; a Rede de atendimento à mulher em situação de violência: casa-abrigo, centros de referências, DEAMs, defensorias da mulher, Juizados de violência doméstica e familiar contra a mulher.

Fonte: Ascom

Acesse no site de origem: MP capacita atendimento a vítimas de violência doméstica em Juazeiro do Norte (MPCE – 14/01/2014)