Mulheres vão debater como enfrentar o aumento da violência doméstica (G1/Campinas e Região – 02/06/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Ataques de grupos conservadores misóginos também será discutido. Encontros no Café Filosófico são gratuitos e acontecem às sextas-feiras

Como as mulheres enfrentam o registro crescente da violência doméstica, de gênero e os ataques dos grupos conservadores misóginos em ascensão? A pergunta será levantada durante o ciclo de debates de junho do Café Filosófico CPFL sobre “O que querem as mulheres: poéticas e políticas feministas na atualidade”, com a curadoria da historiadora da Unicamp Margareth Rago.

“Forças conservadoras agem com frequência enquanto aumenta a violência contra as mulheres. Como os feminismos respondem a isso?”, questiona a curadora.

Historiadora da Unicamp Margareth Rago faz a curadoria dos debates no Café Filosófico de junho (Foto: Divulgação/CPFL Cultura)

Historiadora da Unicamp Margareth Rago faz a curadoria dos debates no Café Filosófico de junho (Foto: Divulgação/CPFL Cultura)

Os debates são abertos ao público em Campinas (SP) e transmitidos ao vivo pela internet.

No primeiro encontro, nesta sexta-feira (03), a médica e livre-docente da Faculdade de Saúde Pública da USP Simone G. Diniz fala sobre “Feminismos, corpo e saúde: uma agenda no século 21”.

“Em tempos de internet, emergem insurreições pela democratização das informações e do poder de decisão, com narrativas subversivas disputando com a medicina as concepções de saúde e bem-estar.”, afirma a médica Simone Diniz.

Na semana seguinte, a médica e livre-docente da USP Maria José “Zeca” Rosado falará sobre “Feminismo(s) e religião(ões): aproximações, ambiguidades e contradições”. No terceiro encontro, no dia 17 de junho, a socióloga e professora da UESB Núbia Regina Moreira abordará o tema “O movimento feminista negro no Brasil: vozes sujeitos e políticas”.

O último encontro será realizado com a curadora Margareth Rago, que vai discutir “A insubmissão feminista na atualidade” no dia 24 de junho. A entrada é gratuita, por ordem de chegada, uma hora antes de cada sessão.

Serviço

O que: Café filosófico – “O que querem as mulheres: poéticas e políticas feministas na atualidade”
Quando: todas as sexta-feira de junho, às 19h
Onde CPFL Cultura, na rua Jorge Figueiredo Corrêa, 1632, Chácara Primavera
Capacidade: 180 lugares
Classificação etária: 14 anos
Entrada gratuita, por ordem de chegada, uma hora antes de cada sessão
Informações: (19) 3756-8000

Acesse no site de origem: Mulheres vão debater como enfrentar o aumento da violência doméstica (G1/Campinas e Região – 02/06/2016)