Mulheres vítimas de violência ganham Casa Abrigo na região de Carapicuíba (Correio Paulista – 30/03/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

O prefeito de Carapicuíba Sergio Ribeiro assinou no dia 23 de março contrato do Programa Casa Abrigo Regional, para acolher mulheres vítimas de violência que correm risco de morte e será utilizada pelos oitos municípios que fazem parte do Consórcio. O local onde a Casa Abrigo será implantada é sigiloso para garantir a segurança das mulheres e a qualidade no atendimento.

Nos últimos dias os demais prefeitos que compõem o Cioeste (Consórcio Intermunicipal da Região Oeste Metropolitana de São Paulo) também assinaram o contrato que se refere à parte que cada município deve repassar para o Cioeste, a quem cabe a administração da Casa Abrigo.

A Casa Abrigo Regional está entre as principais reivindicações das mulheres da região e, principalmente, das gestoras de Políticas para as Mulheres dos Municípios da região. Em 2013, com a realização do primeiro Encontro Regional de Políticas para as Mulheres, ficou estabelecida como prioridade a implantação desse importante equipamento público. A Casa Abrigo está prevista na Política e no Pacto Nacional de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres e na Lei Maria da Penha.

O prefeito Sergio Ribeiro, quando presidente do Cioeste em 2013, deu grande apoio à iniciativa e fortaleceu o processo que agora chega à fase de assinatura de contrato.

Acesse no site de origem: Mulheres vítimas de violência ganham Casa Abrigo na região de Carapicuíba (Correio Paulista – 30/03/2016)