Nos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres, cidades do interior recebem ações da SPPM (SEJUSP/MS – 10/12/2015)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Em agenda dos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres, a Subsecretaria de Políticas Públicas para Mulheres (SPPM), por meio da subsecretária Luciana Azambuja Roca, pasta que é ligada à Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast), esteve na manhã de ontem (9) com o prefeito de Nova Alvorada do Sul e presidente da Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul (Assomasul), Juvenal Neto, fortalecendo a política de combate a violência contra a mulher. Da reunião já ficou agendada fala da subsecretária em reunião da Assomasul, em fevereiro de 2016, para levar a todos os prefeitos do estado o Plano de Interiorização da Política Pública de Enfrentamento a Violência contra Mulher. Também na cidade, a unidade móvel da SPPM iniciou trabalho no Parque Nelson Tereré, com orientação e sensibilização da sociedade sobre a violência contra a mulher.

Em Ponta Porã, no período da tarde, a subsecretária se reuniu com a coordenadora de política do município, Rose Luce Cavagna, juntamente com o secretário de governo da cidade, Eduardo Campos, representando o Prefeito Ludimar Novais, para tratativas com Defensoria Pública, Delegacia de Atendimento à Mulher, Polícia Militar e equipe psicossocial do Centro de Atendimento à Mulher (CAM), visando a implantação de projeto de atendimento humanizado e especializado para vítimas de violência doméstica e familiar, segundo modelo existente na Polícia Militar de Amambai, no qual polícias militares tem olhar diferenciado e tratamento especializado com as mulheres violentadas.

Luciana Azambuja Roca destacou, durante a reunião em Ponta Porã acompanhada pelo representante do Comando Geral da PM, coronel Solom e comandante Domini de Amambai, que esse olhar para a mulher beneficia toda a sociedade. “Com certeza quando uma equipe da PM se desloca para atender uma mulher violentada ou em medida protetiva, todo um raio de abrangência é beneficiado, sendo ele com a presença da polícia e até mesmo com a ação humanizada”, finalizou.

Os 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres, encabeçado pela SPPM, segue até o próximo dia 12 em Mato Grosso do Sul.

Leomar Alves Rosa (Assessoria Vice-Governadoria e Sedhast)

Acesse no site de origem: Nos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres, cidades do interior recebem ações da SPPM (SEJUSP/MS – 10/12/2015)