Nova delegacia da mulher servirá como modelo e terá PM no mesmo espaço (Cidade Verde – 24/06/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Foi inaugurada na manhã desta sexta(24), a quarta Delegacia de Mulher (DEAM) em Teresina localizada no antigo CSU do bairro Parque Piauí. A DEAM servirá como modelo para as outras três especializadas. Especificamente na zona Sul, que tinha os casos atendidos no centro da capital, a delegacia funcionará no mesmo espaço que a companhia da Força Tática do 6° Batalhão da PM.

Segundo o secretário de Segurança, Fábio Abreu, o apoio da Polícia Militar será importante principalmente para garantir a segurança das mulheres vítimas de violência que resolvam denunciar. “A delegacia vai ser o local onde essas mulheres e adolescentes encontraram apoio quando resolverem denunciar e a Polícia Militar que estará ao lado vai poder garantir a segurança para que aquelas que resolvam denunciar seus agressores”, declarou Fábio Abreu.

Teresina inaugura a quarta DEAM. A titular será a delegada Anamelka Cadena (Foto: Maria Romero)

Teresina inaugura a quarta DEAM. A titular será a delegada Anamelka Cadena (Foto: Maria Romero)

Ele declarou ainda que a exemplo da nova delegacia de zona Sul, as demais DEAM receberão um novo aparelhamento. “A equipe é formada quase que em sua totalidade por mulheres para melhor receber essas vítimas e tem ainda o espaço com brinquedoteca para crianças que existirá também nas outras delegacias, a do Centro praticamente será toda nova, todas deverão dispor espaço adequado a esse tipo de atendimento”.

Tambem no CSU funcionará o Núcleo de Feminicídio no Estado, onde as mortes por questão de gêneros serão investigadas. A titular será a delegada Anamelka Cadena. Ela declarou que inicialmente o Núcleo e a Delegacia funcionarão com o total de oito policiais. A delegada disse ainda que com a inauguração a circunscrição de atendimento de cada delegacia da mulher foi reorganizada.

“Eu acredito que os casos de violência contra mulher têm tomado mais visibilidade por conta das redes sociais. O que nós observamos no dia a dia da polícia é que violência sempre existiu e agora se tornaram mais divulgado. Com a existência dessa delegacia e todas as outras na capital queremos dá às vítimas a possibilidade da denúncia”, destaca delegada Anamelka.

Foi inaugurada na manhã desta sexta(24), a quarta Delegacia de Mulher (DEAM) em Teresina localizada no antigo CSU do bairro Parque Piauí. A DEAM servirá como modelo para as outras três especializadas. Especificamente na zona Sul, que tinha os casos atendidos no centro da capital, a delegacia funcionará no mesmo espaço que a companhia da Força Tática do 6° Batalhão da PM.

Segundo o secretário de Segurança, Fábio Abreu, o apoio da Polícia Militar será importante principalmente para garantir a segurança das mulheres vítimas de violência que resolvam denunciar. “A delegacia vai ser o local onde essas mulheres e adolescentes encontraram apoio quando resolverem denunciar e a Polícia Militar que estará ao lado vai poder garantir a segurança para que aquelas que resolvam denunciar seus agressores”, declarou Fábio Abreu.

Ele declarou ainda que a exemplo da nova delegacia de zona Sul, as demais DEAM receberão um novo aparelhamento. “A equipe é formada quase que em sua totalidade por mulheres para melhor receber essas vítimas e tem ainda o espaço com brinquedoteca para crianças que existirá também nas outras delegacias, a do Centro praticamente será toda nova, todas deverão dispor espaço adequado a esse tipo de atendimento”.

Tambem no CSU funcionará o Núcleo de Feminicídio no Estado, onde as mortes por questão de gêneros serão investigadas. A titular será a delegada Anamelka Cadena. Ela declarou que inicialmente o Núcleo e a Delegacia funcionarão com o total de oito policiais. A delegada disse ainda que com a inauguração a circunscrição de atendimento de cada delegacia da mulher foi reorganizada.

“Eu acredito que os casos de violência contra mulher têm tomado mais visibilidade por conta das redes sociais. O que nós observamos no dia a dia da polícia é que violência sempre existiu e agora se tornaram mais divulgado. Com a existência dessa delegacia e todas as outras na capital queremos dá às vítimas a possibilidade da denúncia”, destaca delegada Anamelka.

Redação Caroline Oliveira

Acesse no site de origem: Nova delegacia da mulher servirá como modelo e terá PM no mesmo espaço (Cidade Verde – 24/06/2016)