Nudem incentiva reflexão sobre violência doméstica para estudantes (DPTO – 26/03/2015)

Por meio de um bate-papo descontraído, adolescentes e jovens da região Sul da Capital se conscientizaram um pouco mais sobre o combate à violência doméstica na noite de quarta-feira, 25. Na ocasião, o Nudem – Núcleo Especializado de Promoção e Defesa dos Direitos da Mulher da DPE-TO – Defensoria Pública do Estado do Tocantins promoveu uma roda de conversa no Colégio Santa Rita de Cássia, no Aureny IV, como parte do programa “Ação Viva Mulher”, do Governo do Estado.

Perguntas, respostas, comentários, vídeos e muita descontração deram o tom ao evento, mediado pela defensora pública Vanda Sueli Machado e pela assessora do Nudem, Catarina Lopes. De acordo com a Defensora Pública, o objetivo foi despertar nos estudantes uma reflexão acerca de temáticas que envolvem a violência doméstica, como abuso sexual, moral e bullyng, entre outras.

Estudante de Ensino Médio, o jovem Assis Júnior, 17, considerou que mais eventos como este deveriam ser oferecidos aos estudantes. “Muitas vezes o poder público deixa só para reprimir e punir quando o jovem já entrou no caminho das drogas e da violência, se esquecendo de educar e prevenir da base para que eles não entrem neste caminho. Gostei muito da palestra e acredito que deveria acontecer mais vezes porque contribui com a conscientização e não só com a punição”, reflete o estudante.

Assim como Assis, Anne Caroline também aprovou a palestra. “A gente aprende como se defender desde cedo para não cair nas armadilhas da violência. Aqui a gente pôde tirar dúvidas com a Defensora e a falar para ela sobre a realidade da juventude também, foi bacana”, elogia.

Para a Defensora Pública, provocar discussões como estas é fundamental para que o jovem tenha consciência do problema e saiba como enfrentá-lo. “Ações assim preparam o olhar dos estudantes e eles se consideram responsáveis por se tornar multiplicadores do conhecimento para a sua comunidade. Foi uma palestra bastante descontraída e os alunos bem participativos”, considera Vanda Sueli.

Programa

O programa “Ação Viva Mulher”, realizado pela SEDEPS – Secretaria de Defesa e Proteção Social em parceria com diversas instituições como a DPE-TO, realiza uma série de palestras voltadas à comunidade estudantil da rede pública estadual de ensino. São 23 turmas de quatro escolas e aproximadamente 700 alunos e alunas a receberem as palestras, que tratam de temas com a Lei Maria da Penha e outros direitos das mulheres. Nesta quinta-feira, 26, às 19 horas, o ciclo de palestras será levado ao Colégio Frederico Pedreira, na Quadra 106 Sul, em Palmas.

Acesse no site de origem: Nudem incentiva reflexão sobre violência doméstica para estudantes (DPTO – 26/03/2015)