Número de estupros cresce 150% no mês de fevereiro (Correio Popular – 28/03/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

O número de casos de estupro registrado em Campinas em fevereiro é 150% maior em comparação a igual período de 2015, segundo dados divulgados pela Secretaria de Segurança Pública (SSP) do Estado. Foram 30 casos, mais de um por dia, contra 12 em 2015. O mesmo aumento foi verificado em relação a janeiro deste ano, que também registrou números iguais. As regiões do Ouro Verde e do Campo Grande, áreas do 9º e 11º Distrito Policial (DP), foram as que mais tiveram casos de estupro em 2016. Só na área do 9º DP foram registrados nove casos, contra nenhum em 2015. Na região do 11º DP foram seis em 2016, contra um no ano passado.

O 7º DP, em Barão Geraldo, também registrou aumento de estupros em relação a 2015. Entre janeiro e fevereiro do ano passado foram dois casos, enquanto nos dois primeiros meses deste ano foram cinco estupros, sendo dois em fevereiro.

Apesar dos números serem altos, as próprias vítimas acreditam que a estatística é bem maior que a registrada nas delegacias, já que muitas delas deixam de fazer boletim de ocorrência por medo e vergonha. Caso de uma universitária de 20 anos, que foi estuprada por um colega de turma durante uma festa da faculdade, há quase dois anos. Ela disse que estava bêbada e, a princípio, pensou que a violência que tinha sofrido não era estupro. Além disso, achou que se contasse o que tinha ocorrido ninguém acreditaria. “Guardei só para mim, mas depois desabafei em um grupo feminista. É difícil superar o trauma”, disse a jovem.

Além do medo e vergonha, a universitária acredita que muitas das vítimas não comunicam a polícia por acharem que a corporação não vai fazer nada.

De acordo com a SSP, a Polícia Civil de Campinas informa que mais de 90% das ocorrências de estupro registradas na delegacia especializada entre janeiro e fevereiro deste ano são de autoria conhecida e ocorrem principalmente dentro do ambiente familiar das vítimas, que são em sua maioria menores de idade. Segundo a SSP, os estupros tiveram queda de 2,33% no primeiro bimestre deste ano em Campinas.

Acesse no site de origem: Número de estupros cresce 150% no mês de fevereiro (Correio Popular – 28/03/2016)