Número de estupros sobe 81% em Piracicaba, diz levantamento da SSP (G1/Piracicaba e região – 25/07/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Neste ano, foram 7 ocorrências em junho contra 2 no mesmo mês em 2015. No ano passado, foram 32 denúncias do crime; são 20 em 6 meses deste ano

Piracicaba (SP) registrou aumento do número de casos de estupro em junho de 2016 na comparação com mesmo período de 2015. De acordo com dados da Secretaria de Segurança Pública e São Paulo (SSP) , foram sete ocorrências da violência sexual neste mês contra duas do crime no intervalo equivalente no ano passado.

Somente nos seis primeiros meses deste ano, o município contabilizou 20 denúncias do crime, 81% a mais que no mesmo período de 2015, quando, de janeiro a junho, a cidade registrou 11 ocorrências.

Durante os 12 meses do ano passado, foram registrados 32 ocorrências de estupro no cidade. Um dos casos de estupro registrados em junho deste ano foi o de uma jovem de 18 anos.
Segundo a Polícia Civil, ela foi mantida refém por cerca de três horas no dia 17 de junho em Piracicaba (SP).

O suspeito armado, seguia em um Volkswagen Gol branco, quando abordou a vítima na Rua do Porto e a levou para um matagal, onde teve relações sexuais com ela à força. A mulher conseguiu fugir do agressor no bairro Paulicéia. Ele ainda roubou a carteira com documentos, R$ 300 e o celular dela.

A mulher relatou à Polícia Civil que estava na Rua do Porto com algumas amigas quando resolveu ir embora sozinha, por volta das 22h30. O carro branco parou ao lado da jovem nas redondezas da Avenida Beira Rio. O motorista apontou a arma para ela, a obrigou entrar no veículo e a levou para um matagal. Conforme o boletim de ocorrência, a vítima não soube indicar em qual bairro fica o local onde foi violentada.

Outro caso foi registrado no dia 13 de junho. Um confeiteiro de 29 anos procurou a Polícia Civil de Piracicaba (SP) para denunciar suposta violência sexual sofrida pela menina de quatro anos, de quem ele é tutor legal. O jovem encontrou um suspeito com a vítima na cama, embaixo do cobertor. De acordo com a ocorrência, a criança contou ao responsável que o homem a tocou nos órgãos genitais. Após o flagrante, o rapaz fugiu e não foi localizado.

Acesse no site de origem: Número de estupros sobe 81% em Piracicaba, diz levantamento da SSP (G1/Piracicaba e região – 25/07/2016)