NUPEVID realiza ações de conscientização na zona rural de Sigefredo Pacheco (MPPI – 09/11/2015)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A Promotora de Justiça, Amparo de Sousa Paz, Coordenadora do Núcleo de Promotorias de Justiça de Defesa da Mulher Vítima de Violência Doméstica e Familiar (Nupevid), e o Promotor Luciano Lopes, da Promotoria de Campo Maior, visitaram, nesta sexta-feira (6), o assentamento rural Santo Antônio do Campo Verde, em Sigefredo Pacheco, região Norte do Piauí. Os Promotores conversaram com as moradoras do assentamento rural sobre os tipos de violência e, na oportunidade, também orientaram as mulheres sobre como e onde buscar ajuda em casos de agressão.

O encontro aconteceu na Unidade Escolar Santo Antônio do Campo Verde. A Promotora Amparo de Sousa Paz avalia o objetivo do encontro entre as mulheres e o Ministério Público. “Queremos aproximar as mulheres de Sigefredo Pacheco da rede de proteção e conscientizá-las sobre seus direitos. Através do Disque 180, temos recebido constantes denúncias de violência contra a mulher neste município. Ao tomar conhecimento, repassamos o caso para as promotorias locais, realizando um trabalho em parceria”, considera a Promotora.

Na ocasião, as mulheres também receberam orientações do Promotor Luciano Lopes, na Unidade Móvel de Acolhimento para a Mulher. O ônibus lilás, como é conhecido, percorreu, nos últimos três dias, as cidades de Castelo do Piauí e São Miguel do Tapuio.  A ação é promovida pela Coordenadoria Estadual de Políticas Públicas para as Mulheres.

Para o Promotor Luciano Lopes, as parcerias entre as instituições que atuam no enfrentamento à violência contra a mulher são fundamentais.  “A visita da promotora Amparo Paz reforça que o Ministério Publico, através do Nupevid e da promotoria de Campo Maior, está atento e disponível para receber as mulheres que se encontrem em situação de violência”.

Acesse no site de origem: NUPEVID realiza ações de conscientização na zona rural de Sigefredo Pacheco (MPPI – 09/11/2015)