Pará registrou 3.200 casos de lesão corporal e violência doméstica em 2016 (G1/Pará – 05/04/2017)

Polícia Civil registrou 37 casos de feminicídio neste ano, sendo 9 tentativas.

Mais de 3.200 casos de lesão corporal e violência doméstica foram registrados em 2016 pela Polícia Civil, no Pará. Em relação aos feminicídios, foram 37 ocorrências registradas, sendo 9 delas tentativas.

Clique para assistir à reportagem

De acordo com o Tribunal de Justiça do Pará, o estado é o terceiro com maior número de medidas protetivas à violência contra a mulher. Com mais de 1.400 medidas que incluem afastamento do lar conjugal, certa distância do companheiro, proibição na convivência com os filhos e até a prisão nos casos mais graves, entre outros. Ainda segundo o TJ, ao todo, 9.920 processos estão na Justiça.

A psicanalista e coordenadora do Grupo Mulheres que Amam Demais Anônimas do Pará (Mada), Graça Amorim, mais de 5.000 mulheres já foram atendidas na terapia de grupo. “Já ajudamos a mudar a vida de muitas mulheres com o acolhimento, o acompanhamento terapêutico e o encaminhamento para os órgãos competentes”, comenta.

Denúncias de violência domésticas podem ser feitas através do Disque Denúncia 180 e pela Delegacia Virtual.

Acesse no site de origem: Pará registrou 3.200 casos de lesão corporal e violência doméstica em 2016 (G1/Pará – 05/04/2017)