Patrulha Maria da Penha já começou os trabalhos em Foz (rádio Cultura – 20/01/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

O projeto Patrulha Maria da Penha instituído em Foz do Iguaçu no final de 2015, em parceria do Município com o Tribunal de Justiça do Paraná ganha mais peso a partir de agora. Serão iniciadas na tarde desta quarta-feira (20) as primeiras visitas dos guardas municipais nas casas das mulheres vítimas, que já denunciaram seus agressores e que aguardam o processo em medidas protetivas.

Os guardas vão fiscalizar o cumprimento dessas medidas, conversando com as mulheres, orientando os casos que precisarem de mais acompanhamento e procurando saber se o agressor se mantém afastado da vítima, como determina a Lei.

De acordo com o coordenador do projeto, responsável pelo acompanhamento da equipe de guardas municipais, inspetor Ermógenes Zanellato, o trabalho da Patrulha será específico de fiscalizar o cumprimento das medidas dos casos que já estão em andamento na justiça. “As polícias continuarão a fazer a parte delas, atendendo os casos de violência contra mulher. Ainda importante ressaltar que quando ocorrer um caso de violência é importante ligar nos números 190 ou 153 e no (45) 9997 3322 (plantão do CRAM 24 horas) para buscar ajuda”, disse.

Cada caso será repassado do Fórum à equipe da GM treinada para trabalhar no projeto Patrulha Maria da Penha. À medida que receber os casos, a equipe vai montando um cronograma com endereços das vítimas para estar visitando e fiscalizando cada um dos casos, como forma de oferecer às mulheres nesta condição mais proteção física.

Foz do Iguaçu é a terceira cidade paranaense a implantar a Patrulha Maria da Penha, depois de Curitiba e Londrina.

Acesse no site de origem: Patrulha Maria da Penha já começou os trabalhos em Foz (rádio Cultura – 20/01/2016)