Patrulha Maria da Penha vai virar Lei em Curitiba (Bem Paraná – 25/08/2015)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Projeto na Câmara pretende garantir que programa tenha continuidade

Tramita na Câmara de Curitiba um projeto do vereador Paulo Salamuni (PV), que transforma em lei o decreto de criação da Patrulha Maria da Penha. Segundo o vereador, o fato de instituir a Patrulha Maria da Penha por meio de lei e não por decreto, é que o programa, quando regulamentado em lei, não poderá ser extinto. “Pelo menos dificulta o processo. E o que nós queremos é que o serviço tenha continuidade nas próximas gestões, tendo em vista sua relevância e seu alcance social”, afirma Salamuni.

De acordo com o projeto de lei do vereador, a atuação da patrulha no atendimento à mulher vítima de violência no município de Curitiba será regida pelas diretrizes dispostas na Lei Federal nº 11.340/2006 (Lei Maria da Penha) e visa a garantir a efetividade da lei, integrando ações e compromissos pactuados no termo de adesão ao Pacto Nacional de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República, estabelecendo relação direta com a comunidade, assegurando o acompanhamento e atendimento das mulheres vítimas de violência doméstica e familiar.

A Patrulha é coordenada pela Secretaria Municipal Extraordinária da Mulher e desenvolvida pela Defesa Social por meio da Guarda Municipal e de acordo com o projeto de lei, isso não mudaria.

Acesse no site de origem: Patrulha Maria da Penha vai virar Lei em Curitiba (Bem Paraná – 25/08/2015)