Piauí debate enfrentamento à violência contra a mulher (SPM – 09/12/2015)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Eleonora Menicucci reuniu-se com governador, vice governadora, prefeitas e autoridades nesta segunda-feira (07), em Teresina

A violência contra a mulher e ações de enfrentamento implementadas no Piauí foram discutidas em audiência na segunda-feira (07/11), no Palácio de Karnak, com a participação da Secretária Especial de Políticas Públicas para Mulheres Eleonora Menicucci, do governador Wellington Dias, da vice-governadora Margarete de Castro Coelho e de lideranças e autoridades.

No encontro diversas instituições apresentaram ações desenvolvidas para esse público. Defensoria Pública do Estado,  OAB, Tribunal de Justiça estiveram representados. Parlamentares das esferas municipal, estadual e federal também participaram.

As delegadas Vilma Alves (a mais antiga de DEAM de Teresina) e Anamelka Cadena, que atuam nas delegacias especializadas em atendimento à mulher, marcaram presença, assim como as Coordenadoras de Políticas para as Mulheres Haldaci Regina da Silva (estadual) e Macilane Gomes Batista (municipal de Teresina).

A criação do Núcleo de Feminicídio pela Secretaria de Segurança foi um dos pontos positivos do enfrentamento destacados na audiência. A subsecretária de Segurança, Eugênia Villa, anunciou que os delegados de polícia em todo o Piauí serão capacitados para identificar as mortes de mulheres motivadas por questão de gênero. A intenção é monitorar os casos e desenvolver ações específicas de combate.

“Teremos uma verdadeira dimensão do problema, com dados mais confiáveis, que nos permitirão atuar com maior eficiência ” ressaltou o governador Wellington Dias.

A ministra Eleonora ressaltou o esforço do governo federal para concretizar a aplicação da Lei Maria da Penha. Falou de ações voltadas às mulheres em situação de violência, entre elas a Casa da Mulher Brasileira, um equipamento público que reúne as diversas instituições envolvidas no  atendimento especializado à mulher.

“A rede de serviços de enfrentamento aqui tá funcionando. Temos o desafio de aprofundar e capilarizar as ações da lei Maria da Penha. Fico extremamente orgulhosa por estar dando certo”, concluiu Eleonora Menicucci.

Mediadora do debate, a vice-governadora Margarete Coelho, ressaltou a importância do encontro como meio de articular ações entre as instituições que compõem a rede de atendimento a mulher em situação de violência. A coordenadoria de políticas públicas para mulheres é um agente importante.

“Precisamos construir essa política com todos os entes governamentais e instituições. Não há fórmula pronta. Não são saídas fáceis. Juntos encontraremos a estratégia ideal de combate a esse mal” pontuou Halda Regina, coordenadora estadual de políticas públicas para mulheres.

Presenças– Também participaram da audiência os secretários estaduais de Segurança, Fábio Abreu; de Governo, Merlong Solano; de Administração, Franzé; a senadora Regina Sousa; a deputada estadual Flora Izabel; as prefeitas de Altos, Patrícia Leal; de Miguel Alves, Dra. Salete; de Colônia do Gurgueia, Lisiane Franco; Eloísa, assistente social de Canavieira, representou a prefeita Gadocha; delegada Vilma; vereadora de Teresina, Rosário Bezerra; Dra. Geórgia Nunes, representando a OAB-PI.

Governo doa terreno para construção da Casa da Mulher Brasileira

Na terça-feira (08/12), Eleonora Menicucci visitou o local onde será construída a Casa da Mulher Brasileira, no bairro Parque Piauí. A área está sendo repassada ao governo federal para a implementação da Casa.

Entre as autoridades que acompanharam a visita estavam as delegadas Vilma Alves e Anamelka Cadena (atuam em DEAMs), a subsecretária de Segurança Eugênia Villa, as Coordenadoras de Políticas para as Mulheres Haldaci Regina da Silva (estadual) e Macilane Gomes Batista (municipal de Teresina) e a conselheira titular do Conselho Nacional dos Direitos da Mulher (CNDM) Jeanete Mazzieiro.

Acesse no site de origem: Piauí debate enfrentamento à violência contra a mulher (SPM – 09/12/2015)