Planalto fica alaranjado pelo fim da violência à mulher (Portal Brasil – 19/11/2015)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Campanha começará pelo Brasil e já conta com o apoio de outros 70 países e mais de 450 ações de mobilização em todo o mundo

O Palácio do Planalto ganhou iluminação laranja na noite desta quinta-feira (19) para marcar o início da programação global “Tornar o mundo laranja pelo fim da violência contra as mulheres” (OrangeurWorld), iniciativa da ONU Mulheres nos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres. A campanha se iniciará pelo Brasil e já conta com o apoio de outros 70 países e mais de 450 ações de mobilização em todo o mundo.

A cor laranja é símbolo da campanha idealizada pela ONU pelo fim da violência contra as mulheres

A cor laranja é símbolo da campanha idealizada pela ONU pelo fim da violência contra as mulheres (Foto: Roberto Stuckert Filho/PR)

A subsecretária-geral das Nações Unidas e diretora executiva da ONU Mulheres, Phumzile Mlambo-Ngucka, que realiza sua primeira visita ao Brasil, esteve no Palácio do Planalto com a presidenta Dilma Rousseff e apresentou a ação.

A cor laranja evoca a solidariedade às mulheres e meninas vítimas de violência e a energia necessária para que superem as situações violentas e recebam o apoio necessário em sua trajetória libertadora.

Em 2014, a cor laranja visibilizou os 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres em 70 países e prédios icônicos e monumentos, tais como o Empire State Building, a Times Square e as Pirâmides do Egito. Neste ano, serão iluminados de laranja: Niagara Falls (Canadá / EUA), o edifício da Comissão Europeia (Bélgica), as ruínas arqueológicas em Petra (Jordânia), o Palácio da Justiça na República Democrática do Congo, entre outros.

No dia 25 de novembro é celebrado o Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra as Mulheres. Esta data marca o início dos 16 Dias de Ativismo, que vai até 10 de dezembro, em todo o mundo. No Brasil, o período começa em 20 de novembro, Dia da Consciência Negra.

Os 16 Dias de Ativismo são um momento de mobilização global pela prevenção e eliminação da violência contra mulheres e meninas. Contam, desde 2008, com o apoio da Organização das Nações Unidas, especialmente da campanha do secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, “UNA-SE Pelo Fim da Violência contra as Mulheres”.

Acesse no site de origem: Planalto fica alaranjado pelo fim da violência à mulher (Portal Brasil – 19/11/2015)