Polícia Civil prende soldador condenado por estupro em Mogi Mirim (O Popular, 10/10/2015)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

O soldador Aristides Volpato, de 57 anos, foi preso na tarde da última quarta-feira sob acusação de estupro de vulnerável. Ele foi capturado por policiais civis, em cumprimento a um mandado de prisão expedido pela 3ª Vara Criminal de Mogi Mirim em 18 de setembro. O mandado com validade até o ano de 2.035 ordenava a prisão de Volpato em sentença condenatória de 10 anos de reclusão.

A condenação era referente a um crime hediondo praticado por ele no ano de 2010. Segundo denúncia de uma sobrinha dele – à época com apenas oito anos de idade – o tio teria a molestado, passando a mão em seu órgão genital por baixo de sua roupa.

Assim que a menina fez a denúncia, uma irmã dela – à época com 17 anos – também acusou Volpato, dizendo que ele fez o mesmo com ela quando ainda era criança. Porém, a adolescente disse não ter contato nada a ninguém na ocasião por vergonha e medo da reação de seu pai.

Desde quando o crime foi denunciado, o caso está nas mãos da justiça que, só agora, condenou Aristides Volpato a 10 anos de reclusão. Já em 2.10, no entanto, ele foi ouvido na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) e negou ter molestado as sobrinhas.

Agora preso, Volpato deverá cumprir sua pena em regime fechado, sem direito à fiança. De Mogi Mirim, ele já seguiu para Itapira onde aguarda vaga em uma unidade do sistema prisional.

Tatyana Montera Polettini

Acesse no site de origem: Polícia Civil prende soldador condenado por estupro em Mogi Mirim (O Popular, 10/10/2015)