Polícia investiga se meninas foram aliciadas para prostituição em Goiás (G1/Goiás – 29/04/2015)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Garotas de 12 anos fugiram e ficaram três dias desaparecidas, em Jataí. Após denúncia, elas foram localizadas pela PM em uma casa e passam bem

A Polícia Civil investiga se duas meninas de 12 anos foram aliciadas para prostituição em Jataí, no sudoeste de Goiás. Após três dias desaparecidas, elas foram localizadas pela Polícia Militar, na terça-feira (28), em uma casa na periferia da cidade.

Clique na imagem para assistir à reportagem

Clique na imagem para assistir à reportagem

As menores relataram ao Conselho Tutelar que receberam proposta de prostituição. “Uma delas alegou que elas teriam recebido o convite para serem garotas de programa”, disse a conselheira Lara Rúbia de Oliveira Cristã.

As garotas vão passar por exames para constatar se houve violência sexual. Por enquanto, ninguém foi preso.

De acordo com a PM, as duas foram localizadas após uma denúncia. Elas estavam sozinhas no imóvel e passavam bem. “Chegamos no local e as duas estavam almoçando, estavam tranquilas, depois, com a nossa presença e sabendo que o pai tinha encontrado elas começaram a ficar nervosas”, contou o cabo da Polícia Militar Luis Carlos da Silva.

O pai de uma das meninas, que não quis ser identificado, afirmou que notou alteração no comportamento da filha nos últimos dias. “Eu vinha prestando atenção, mas eu não consegui descobrir o motivo [da mudança no comportamento], mas é mesmo só por causa de má companhia né”, relatou o homem.

Acesse no site de origem: Polícia investiga se meninas foram aliciadas para prostituição em Goiás (G1/Goiás – 29/04/2015)