Polícia prendeu 200 por agressão à mulher neste ano (Jornal da Manhã, 20/07/2014)

O assassinato da professora Andrea Camara de Luca, 41, ocorrido na noite de domingo retrasado, em seu apartamento, na Rua Luiz Guimarães, no bairro de Uvaranas, em Ponta Grossa, reacende a discussão sobre os cuidados que as mulheres devem ter ao começar uma relação com homens através das redes sociais.

Um mês depois de ela iniciar o namoro com o impressor Sandro Luiz Ramos Araki, 41, a mulher foi morta com requintes de crueldade. O crime chocou a população, enlutou famílias e abriu as portas para o debate de um tema bastante pontual: como se defender de psicopatas e de outras linhagens de criminosos que utilizam a internet como principal ferramenta para atrair as suas vítimas.

Acesse no site de origem: Polícia prendeu 200 por agressão à mulher neste ano (Jornal da Manhã, 20/07/2014)