Projeto Brasil 4D recebe menção honrosa em premiação pelo caráter inovador (EBC – 02/06/2015)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Projeto divulga informações sobre a Lei Maria da Penha e rede de serviços

O Projeto Brasil 4D recebeu hoje (2) menção honrosa no Prêmio Celso Furtado de Desenvolvimento Regional 2014: Homenagem a Armando Dias Mendes na categoria Projetos Inovadores para Implementação no Território. O projeto, coordenado pela Empresa Brasil de Comunicação (EBC) leva, pela televisão, diversas informações e serviços públicos aos beneficiários do programa Bolsa Família.

“O projeto permite levar a interatividade da TV Digital para as famílias mais pobres. Pode fazer com que elas aumentam a renda, tenham acesso à informação e ao conhecimento para poder disputar melhor os espaços de emprego, os cursos. Para que possam se desenvolver e se qualificar, ter melhores condições de competir com outras pessoas que têm acesso às novas tecnologias por meio de banda larga, que tem um custo alto”, explica o presidente da EBC, Nelson Breve.

O prêmio é promovido pelo Ministério da Integração Nacional para estimular iniciativas e identificar medidas concretas de redução das desigualdades entre as regiões brasileiras e de acesso igualitário a oportunidades de desenvolvimento.

O projeto 4D ainda está em fase de teste, desde 2013, em João Pessoa, e desde o ano passado, no Distrito Federal. Por enquanto, as famílias que participam têm acesso, pelo controle remoto, a listas de vagas de emprego, saldo e extrato de contas correntes no Banco do Brasil ou Caixa Econômica Federal, games educativos e informações sobre serviços da mulher e Lei Maria da Penha – que cria mecanismos para coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher.

A intenção é aumentar a interação. O usuário poderá, por exemplo, fazer transações bancárias, inscrição em programas do governo, como o Minha Casa Minha Vida, ter acesso ao boletim escolar dos filhos e agendar consultas médicas do Sistema Único de Saúde (SUS), sem sair de casa.

A TV Digital está sendo implementada gradualmente no Brasil,. É novo modelo da TV aberta. A partir de abril do ano que vem, o sinal analógico será desligado aos poucos, até 2018. Para receber o sinal digital é preciso um conversor e uma antena adaptados.

O Brasil 4D funciona com um conversor tipo C, adaptado ao software Ginga. Os beneficiários receberão o conversor e antena gratuitamente, mas qualquer um poderá adquirí-lo e ter acesso aos serviços.

Além do Brasil 4D, outros três projetos foram homegeados nesta edição do Prêmio Celso Furtado. O prêmio foi entregue a oito projetos, teses de doutorado ou dissertações de mestrado, classificados em primeiro ou segundo lugar. Os prêmios variam de R$ 13 a R$ 50 mil. A lista completa pode ser acessada na internet: http://premio2014.mi.gov.br/resultados

O ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi, destacou durante a cerimônia, a importância dos projetos para promover o desenvolvimento do país.

“Um país dessa dimensão com diversas culturas, nós temos que desenvolvê-lo respeitando essas culturas e também aproveitando as sugestões”, disse. “Todas as regiões do Brasil têm muito a aprender e muito a ensinar. A vivência cultura, do desenvolvimento de cada uma dessas áreas e a complexidade dessas áreas faz com que hajam mais participantes para o governo federal para apropriar as políticas públicas”.

Mariana Tokarnia

Acesse no site de origem: Projeto Brasil 4D recebe menção honrosa em premiação pelo caráter inovador (EBC – 02/06/2015)