Projeto estimula a reflexão em acusados de violência doméstica (TJPE – 11/08/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Palestra encerra atividades do primeiro grupo de participantes do projeto

“Relações Saudáveis e Formas Positivas de Resolução de Conflito e Expressão de Afeto” é o tema da palestra que encerra, nesta sexta-feira, 12, as atividades da 1ª Turma de Grupo Reflexivo de Homens. A ação faz parte do projeto “Travessia” da juíza titular da 4ª Vara Criminal da Comarca de Ananindeua, Reijjane Oliveira.

Segundo a magistrada, a ação tem como foco promover reflexões em homens que respondem a processos relacionadas à violência doméstica e familiar contra a mulher. O primeiro grupo é formado por seis homens, que respondem por perturbação da tranquilidade, o que caracteriza contravenção penal. Eles participaram de seis reuniões, acompanhados de uma equipe composta de um psicólogo e dois assistentes sociais.

“Participar das reuniões é uma das condições impostas para que eles fiquem com o processo suspenso pelo prazo de dois anos”, explicou a magistrada. Ela acrescentou ainda que, em breve, as reuniões deverão ser incorporadas entre as medidas protetivas.

A palestra desta sexta-feira, 12, será ministrada pela defensora pública Vilma de Souza Araújo, do Núcleo de Atenção ao Homem da Defensoria Pública, às 9h, no auditório do Tribunal do Júri, em Ananindeua. Também haverá entrega de cerificado aos homens que participaram do projeto.

Atualmente, tramitam cerca de 2.300 processos de violência doméstica contra a mulher, na 4ª Vara Criminal da Comarca de Ananindeua.

Fonte: Coordenadoria de Imprensa
Texto: Vanessa Vieira

Acesse no site de origem: Projeto estimula a reflexão em acusados de violência doméstica (TJPE – 11/08/2016)