Ressocialização é tema de oficina para os homens autores de violência doméstica (Gov/PA – 07/05/2014)

O Núcleo Especializado de Atendimento ao Homem Autor de Violência Doméstica e Familiar (Neah), da Defensoria Pública do Estado, vai realizar nesta quinta-feira, 8, uma oficina com o intuito de orientar os assistidos que possuem dificuldades em reorganizar suas vidas após a violência cometida.

A programação de abertura contará com a presença do defensor público geral, Luís Carlos de Aguiar Portela; do diretor da Escola Superior da Defensoria, Antônio Cardoso, e da equipe do Neah, formada pela coordenadora Vilma Araújo, pelo defensor público Daniel Sabbag, pelo pedagogo Raimundo Souza e pela assistente social Maria Sena.

A oficina começa com a realização de duas palestras, mais a exibição de um filme alusivo ao tema e finaliza com a entrega de certificados. De acordo com a coordenadora do Núcleo, Vilma Araújo, a programação aborda a necessidade de uma cultura de paz, por meio da prevenção contra álcool e drogas, mais a otimização do tempo livre do assistido, através do trabalho e estudo. “Para isto, iremos oferecer ofícios de encaminhamentos para cursos profissionalizantes gratuitos, fornecidos por entidades parceiras”, garantiu ela, que informou, ainda, que “a escolha poderá ser feita de acordo com a disponibilidade e aptidão de cada um”.

Os homens autores de violência atendidos no ano de 2012 e os dependentes químicos ou de álcool serão o público alvo do evento. Vilma Araújo contou que a seleção foi proposital, por conta do interesse do Núcleo em acompanhar a vida processual da maioria dos atendidos que ainda respondem pelos seus atos passados na Justiça.

Também foram convidados os participantes do Grupo de Reflexão Re-autores, formado por homens já penalizados pela violência doméstica, que encontraram na Defensoria um ambiente de harmonia para iniciar a ressocialização e a volta à vida em coletividade. São esperados cerca de 100 homens na oficina, além de universitários dos cursos de Psicologia, Pedagogia e Assistência Social da Universidade Federal do Pará (UFPA).

Confira a programação:
8h30: Mesa de Abertura
9h: Palestra “Violência Doméstica e Familiar e as Drogas”, com a enfermeira da Coordenadoria de Prevenção e Redução de Danos do Uso de Drogas, Lilian da Silva Oliveira
9h45: Palestra “Profissionalização Como Base de Superação de Violência – Melhoria da Autoestima Pessoa e Profissional”, como pedagogo Raimundo Souza
10h: Intervalo
10h15: Exibição do Filme “A Vida é Bela”
12h: Avaliação das atividades pelos participantes

Micheline Ferreira
Defensoria Pública do Estado do Pará

Acesse no site de origem: Ressocialização é tema de oficina para os homens autores de violência doméstica (Gov/PA – 07/05/2014)