Sala da Mulher da Assembleia do Mato Grosso é parceira da campanha do Laço Branco (ALMT – 18/11/2014)

A campanha destaca a importância da participação dos homens no combate a violência contra as mulheres

Lançamento da Campanha do Laço Branco 2014 (Foto: Mario Friedlander / ALMT)

Lançamento da Campanha do Laço Branco 2014 (Foto: Mario Friedlander / ALMT)

A Sala da Mulher da Assembleia Legislativa prestigiou na tarde desta segunda-feira (17), o lançamento da Campanha Laço Branco, idealizada pela Defensoria Pública do Estado de Mato Grosso. O evento foi realizado no auditório “Deputado Milton Figueiredo”, nas dependências da Casa de Leis. A campanha tem o objetivo de sensibilizar e envolver os homens no engajamento pelo fim da violência contra mulheres e de gênero, através de ações em saúde, trabalho, segurança pública, ação social e direitos humanos.

A coordenadora da Sala Mulher, Dilair Savi, deu as boas vindas e ainda parabenizou a defensora pública estadual e presidente do Conselho Estadual dos Direitos da Mulher de Mato Grosso, Rosana Leite, pela iniciativa, assim como o defensor público geral Djalma Sabo Mendes, e os homens presentes que usaram o laço branco durante o evento.

Dilair Savi, explicou que o episódio ocorrido no dia 06 de dezembro de 1989, que originou a Lei nacional 11.489 de 2007 se apresenta de duas maneiras: uma positiva e outra negativa. Positiva porque institui o dia 06 de dezembro como o “Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra a Mulher”. Negativa porque o movimento nasceu como é de amplo conhecimento, após uma grande tragédia que vitimou 14 mulheres no Canadá.

Dilair salientou que a campanha é necessária, que é preciso levar informações para dentro dos lares, recinto de trabalho e meios de convívio diário, porque quem agride geralmente não são os estranhos, e sim os parceiros sexuais, amigos, namorados, maridos, familiares e colegas de trabalho. “Hoje ainda existe esse preconceito contra as mulheres por homens que não aceitam ver uma mulher cursando uma faculdade, num bom emprego ganhando um bom salário. Queremos exatamente que acabe essa inferioridade”, enfatizou Dilair.

A defensora pública, Rosana Leite destacou a importância da participação dos homens na campanha. “Esses homens e mulheres juntos estão construindo uma nova sociedade. A sociedade não pode mais aceitar as mulheres sendo estupradas e mortas. Temos que mudar essa realidade. O laço branco é uma nova cultura de paz”, avaliou Rosana.

O primeiro sub-defensor geral, Silvio Santana, representante do defensor público, Djalma Sabo Mendes, lembrou que essa ação marca um dia histórico e simboliza a luta das mulheres de todo mundo contra a violência, seja ela por meio de agressão física, preconceito e até mesmo assassinato.

“Não é aceitável nenhum ato de violência, pois não é a mulher a única vitimada, mas toda sua família e, consequentemente, a sociedade. A mulher, ao longo de sua luta pela igualdade de gêneros, caminhou a passos largos, mas ainda não conseguiu superar ações ameaçadoras. É preciso matar esse monstro interno dentro de nós e difundir mais paz em nosso Estado e em todo País”, alertou Silvio.

A promotora Lindinalva Rodrigues disse que é necessário buscar recursos para a efetivação de políticas públicas no combate à violência contra as mulheres. “Essa luta não é somente das mulheres, e sim tarefa de toda a sociedade”, ponderou Lindinalva.

Durante o evento foram distribuídos broches com laço branco para todos os homens e mulheres. A campanha propõe que os homens usem o laço branco entre os dias 17/11 e 06/12 para mostrarem que não praticam violência contra as mulheres.

Também participaram do evento representantes do Ministério Público Estadual, Polícia Judiciária Civil, Defensoria Pública do Estado de Mato Grosso, Polícia Militar do Estado de Mato Grosso, Associação das Primeiras Damas dos Municípios do Estado, Conselho Estadual dos Direitos da Mulher, além de mulheres ligadas a entidades sociais unidas pela defesa das mulheres.

Vania Costa

Acesse no site de origem: Sala da Mulher é parceira da campanha do Laço Branco (ALMT – 18/11/2014)