Saúde, Educação, Segurança Pública e Assistência Social assinam termo de compromisso para aprimorar o atendimento à pessoa em situação de violência (Gov. SC – 27/04/2015)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A Secretaria de Estado da Saúde assinou, na tarde desta segunda-feira, 27, termo de compromisso com as secretarias da Educação, Segurança Pública e Assistência Social, Trabalho e Educação, para aprimorar o atendimento às pessoas vítimas de violência e dar maior visibilidade ao tema. O ato ocorreu durante o Seminário de Atenção às Pessoas em Situação de Violência Sexual, realizado até terça-feira, 28, no Hotel Cambirela, em Florianópolis.

Para o secretário adjunto de Estado da Saúde, Murillo Capella, um dos aspectos mais preocupantes quando o assunto é violência é o medo que as vítimas têm de ficarem estigmatizados pela denúncia. “Isso faz com que o número de mulheres violentadas seja muito maior do que as estatísticas revelam. Muitas mães têm receio de fazer a denúncia porque a agressão ocorre dentro de casa”, afirmou Capella, que atuou como cirurgião-pediátrico no Hospital Infantil Joana de Gusmão e se deparou diversas vezes com essa situação.

Os Núcleos Estratégia da Saúde da Família, distribuídos nos 295 municípios de Santa Catarina, contam com profissionais capacitados para fazer abordagem às vítimas de violência. “A Secretaria da Saúde, por meio da Gerência de Atenção Básica, está atenta ao quadro e busca capacitar o maior número de profissionais. O desafio do serviço é a participação intersetorial no sentindo de aprimorar a atenção às pessoas em situação de violência sexual e minimizar os traumas, sejam eles físicos, psicológicos ou morais”, explicou o Superintendente de Planejamento e Gestão, Clécio Espezim.

O termo firmado entre as quatro secretarias visa desenvolver estratégias de atenção integral às pessoas em situação de violência doméstica, sexual e outros traumas, implementando trabalho articulado com vistas a oferecer cuidados e proteção qualificados no enfrentamento e prevenção da violência e promoção da cultura da paz com melhoria dos indicadores.

Cerca de 300 profissionais do Ministério da Saúde, secretarias estaduais, municípios e Gerências Regionais de Saúde participam do evento, promovido pela Secretaria Estadual de Saúde com recursos do Projeto Qualisus Rede para a Região Metropolitana da Grande Florianópolis.

>>> A programação do seminário:

1º dia – 27 de Abril de 2015

HORÁRIO ATIVIDADE / TEMA PALESTRANTE
08:00 – 08:30 Recepção e Café de boas vindas
08:30-09:30 Rede de Atenção Integral às Pessoas em situação de Violência Sexual: novas  normativas Caroline Schweitzer de Oliveira-MS
09:30– 10:15 Notificação/investigação Vigilância em Saúde: informação para a ação Cheila Marina de Lima

CGDANT-MS

10:15 – 11:00 Aspectos jurídicos (aborto previsto em lei, Vulnerabilidade, Custódia e Notificação aos Conselhos e Segurança Pública): Osmar Ribeiro Colas – UNIFESP
11:00 – 12:00 Apresentação dos protocolos de atenção Palhoça, Joinville e Blumenau e Chapecó
12:00 – 13:00

Almoço

13:00 – 14:00 Apresentação dos Protocolos de Atenção  Florianópolis, , Criciúma e Lages
14:00-14:50 Protocolo de Atenção à Interrupção de Gravidez nos Casos Previstos em Lei – experiência do Hospital Universitário de Florianópolis Sergio Steffens – médico

Hospital Universitário/UFSC

15:00-15:45 Mesa de abertura do Seminário, com a participação dos Secretários de Estado da Saúde, de Assistência Social, de Segurança Pública e de Educação

Secretários de Estado

15:45-16:00 Intervalo
16:00 – 17:30 Mesa Redonda

Abordagem na violência sexual aguda até 72 horas: Saúde e Segurança Pública

Prevenção de DST/HIV/Hepatites e anticoncepção de emergência Eduardo Oliveira- médico

Infectologista/ DIVE/SES

Acolhimento e escuta qualificada e prevenção da revitimização: foco no cuidado em saúde e na segurança pública Carmen Lucia Luiz

Enfermeira-SST

17:30 Encerramento

2º dia – 28 de Abril de 2015

08:00 – 09:00 Identificação das violências sexuais a partir de sinais clínicos e psicológicos Rodinei Tenório – médico legista – IGP
09:00 – 10:00 Violência sexual crônica: abordagem interdisciplinar e intersetorial com acompanhamento longitudinal

Vanessa Platt – Medica HIJG/HU

10:00 – 12:00

Oficinas

Oficina 1 Linha de cuidado a crianças, adolescentes e suas famílias em situações de violência Vanessa Platt – médica HU e HIJG
Oficina 2 Violência entre Parceiros Íntimos Carmen Delziovo  SES
Oficina 3 Violência de Gênero Cássia Soares, médica MCD
12:00 – 13:00 Almoço
13:00 – 14:30 Apresentação das oficinas
14:30 – 15:30 Impactos vivenciados pelos profissionais de saúde na Atenção às pessoas em situações de violências Salete Marques Dias – HRSJ
15:30 – 16:15 Cultura da Paz Pe. Vilson Groh
16:15 – 17:00 Avaliação do evento e encaminhamentos
17:00 – 17:30 Encerramento / café de confraternização

Acesse no site de origem: Saúde, Educação, Segurança Pública e Assistência Social assinam termo de compromisso para aprimorar o atendimento à pessoa em situação de violência (Gov. SC – 27/04/2015)