Segundo Fórum sobre violência a mulher é realizado em Cacoal, RO (G1/Cacoal e Zona da Mata – 15/09/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Encontro abordará diversos temas ligados a proteção dos direitos da mulher. Aniversário de 10 anos da Lei Maria da Penha também será debatido

O 2º Fórum de Enfrentamento à Violência contra a Mulher será realizado na quinta-feira (15), em Cacoal, município a 480 quilômetros de Porto Velho. O evento é promovido pelo Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (CMDM) e abordará diversos temas ligados a proteção dos direitos da mulher. Os 10 anos de criação da Lei Maria da Penha também será debatido no encontro, conforme os organizadores.

Fórum de Enfrentamento à Violência contra a Mulher de 2015 (Foto: Magda Oliveira/G1)

Fórum de Enfrentamento à Violência contra a Mulher de 2015 (Foto: Magda Oliveira/G1)

De acordo com a presidente do CMDM, Maria da Penha Menezes, durante o fórum serão tratados assuntos relacionados ao fim da violência contra a mulher e as políticas públicas voltadas para o setor. “Teremos várias discussões e palestras voltadas a saúde, os direitos reprodutivos e o fim da violência da mulher. Também vamos da tratar da mulher nos espaços do poder e discussão, além dos 10 anos da Lei Maria da Penha, que é um marco para as políticas de proteção a mulher”, revela.

Maria da Penha Menezes ressalta ainda que apesar dos registros oficiais de violência contra mulher serem pequenos no município, existem muitos casos de violações dos direitos, porém, não são denunciados pelas vítimas. “Esses casos não aparecem tanto porque muitas vezes a mulher que é violentada não denuncia por medo e vergonha da sociedade e da própria família, mas Cacoal ainda tem um índice alto de violência e precisamos combater isso”, aponta.

Casa Abrigo
Em funcionamento desde o começo deste ano, a Casa Abrigo, que visa acolher as mulheres vítimas de violência doméstica e seus filhos só recebeu três vítimas. Para a presidente do CMDM, apesar da baixa ocupação a casa exerce um papel fundamental no combate as violações dos direitos da mulher.

“Mesmo que este número de abrigadas pareça pequeno, ele é um indicador positivo, pois mostra que algo está sendo feito para amparar estas vítimas. Acredito que a procura é baixa porque muitas mulheres não sabem ainda da existência da casa, pois foi pouco divulgado”, explica.

Está e a segunda edição do fórum, a primeira foi realizada no ano de 2015 e apesar da relevância do tema a participação da sociedade foi pequena. Nesta edição, os participantes esperam que além de mulheres, homens e até crianças compareçam. “Espero que toda a sociedade cacoalense participe, pois devemos falar da violência não só para as mulheres, mas para toda a família, pois os homens também não querem que suas filhas sejam violentadas, por isso convidamos para participar e ajudar-nos a combater a violência contra as mulheres”, expõe.

O fórum será realizado no auditório da Escola Estadual Josino Brito, localizada no bairro Floresta. A previsão é que o evento comece às 8h e encerre-se às 15h.

Rogério Aderbal
Do G1 Cacoal e Zona da Mata

Acesse no site de origem: Segundo Fórum sobre violência a mulher é realizado em Cacoal, RO (G1/Cacoal e Zona da Mata – 15/09/2016)