Seminário sobre enfrentamento da violência sexual é apresentado no ES (G1/Espírito Santo – 17/05/2015)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Projeto ‘Vira Vida’, em prol das vítimas, estará no seminário. Seminário será na segunda-feira (18); haverá mobilização no domingo (17).

O projeto Vira Vida, que dá apoio a meninos e meninas que sofreram violência sexual, será apresentado no 3º Seminário de Enfrentamento à Violência Sexual de Crianças e Adolescentes, na segunda-feira (18), em Vitória.

O Vira Vida foi implementado em 2014 no Espírito Santo e opera na antiga unidade do Sesi Saúde do Centro de Vitória. O projeto atende em mais outras 25 cidades brasileiras.

Projeto Vira Vida atende em 26 cidades brasileiras, incluindo Vitória (Foto: Divulgação / Projeto Vira Vida)

Projeto Vira Vida atende em 26 cidades brasileiras, incluindo Vitória (Foto: Divulgação / Projeto Vira Vida)

Segundo a Prefeitura de Vitória, ele é considerado um dos exemplos bem sucedidos de como a educação e a qualificação profissional podem transformar a vida de adolescentes e jovens.

“É importante podermos mostrar ao poder público um projeto como o Vira Vida, que parte da iniciativa privada e que já conta com grandes parceiros nesta questão que, na verdade, é uma problemática mundial”, comentou a representante do Conselho Nacional do Sesi, Catarina Borges Sabino.

Sobre o projeto, Catarina explica que é uma maneira de garantir os direitos e elevar a autoestima desses adolescentes e jovens que sofreram com abusos sexuais.

“Utilizando uma tecnologia de intervenção social, oferecemos aos participantes a oportunidade de adquirir conhecimentos e desenvolver suas habilidades, para alcançarem a transformação em suas vidas por meio da inserção no mercado de trabalho”, disse.

Abusos sexuais em Vitória
A Secretaria Municipal de Saúde (Semus) notificou, em 2014, 112 novos casos de violência sexual contra crianças e adolescentes em Vitória. Desses, 89 vítimas eram do sexo feminino e 59 estavam na faixa etária de 5 a14 anos.

De acordo com a Prefeitura de Vitória, a violência sexual contra crianças e adolescentes é o segundo principal tipo de atos ilícitos praticados contra esse público, ficando atrás apenas das notificações de negligência e abandono.

Vira Vida

O programa Vira Vida foi criado em 2008, pelo Conselho Nacional do Sesi, e dá apoio a meninos e meninas, com idade entre 16 e 21 anos, que sofreram violência sexual em 26 cidades brasileiras, incluindo Vitória. Mais informações podem ser encontradas no site do projeto.

Seminário

O 3º Seminário Municipal de Enfrentamento à Violência Sexual de Crianças e Adolescentes será realizado nesta segunda-feira (18), no auditório da Prefeitura de Vitória, das 8h às 17h.

O evento tem o objetivo de discutir programas e ações que envolvem a temática e mobilizar a rede de proteção a crianças e adolescentes.

“A realização do seminário tem uma importância fundamental para lembrarmos o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, que ocorre em 18 de maio”, destaca a coordenadora do Fórum Municipal de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes, Patrícia Hulle.

Ela lembra que a data foi escolhida devido ao desaparecimento da menina capixaba Araceli Cabrera Sanches, que foi drogada, espancada, estuprada e morta quando tinha apenas 8 anos de idade.

A iniciativa é da Prefeitura de Vitória (PMV) em parceria com o projeto Vira Vida, do Conselho Nacional do Sesi. Na programação, constam mesa-redonda, palestras, diálogos com os palestrantes, momento cultural e apresentações de projetos.

Mobilização

Além do evento, o Fórum está mobilizando a população para vestir uma camisa branca e participar de um ato neste domingo (17), das 8h às 12h, na praia de Camburi, próximo ao Clube dos Oficiais.

Acesse no site de origem: Seminário sobre enfrentamento da violência sexual é apresentado no ES (G1/Espírito Santo – 17/05/2015)